Menu Papel POP
Foto: Reprodução/YouTube

Quentin Tarantino diz que “não existem mais astros de cinema em Hollywood”

Eita! Durante uma conversa no podcast 2 Bears 1 Cave, o cineasta Quentin Tarantino afirmou que não vê, atualmente, grandes estrelas do cinema em Hollywood. A fala surgiu durante um comparativo entre atores do presente e figuras icônicas que marcaram época.

Nas palavras do diretor, que já trabalhou com nomes como Uma Thurman, Jamie Foxx, Sônia Braga e Brad Pitt, o momento é de glorificar franquias e personagens, e não seus intérpretes.

“Parte desse processo de ‘Marvel-ização’ que ocorre agora em Hollywood é que você tem todos esses atores que se tornaram famosos por causa de suas interpretações de super-heróis, mas eles não são astros de cinema, certo? O Capitão América é o astro, o Thor é o astro. E eu não sou o primeiro a dizer isso”.

Recentemente, Tarantino disse em entrevista à revista Variety que o único filme que toparia dirigir dos estúdios seria “Sft. Fury and his Howling Commands”. No entanto, ele afirmou que “não é um trabalhador a ser contratado” e que não está “procurando emprego”.

“Houve um tempo antes de toda essa merda da Marvel ser lançada. Depois de Cães de Aluguel e antes de Pulp Fiction, eu pensei em fazer Luke Cage. Enquanto crescia, eu era um grande colecionador de histórias em quadrinhos, e minhas duas favoritas eram Luke Cage: Hero for Hire, mais tarde Luke Cage: Power Man e Shang-Chi: Master of Kung Fu. Também gostei de Werewolf by Night, que foi ótimo, mas meu herói absoluto foi Luke Cage”, disse (via ComicBook Movie).

(Arte: Papelpop)

VOCÊ FOI CONVOCADX! É hora de se jogar no pop brasileiro e no funk em uma edição especial e inédita da Festa VHS. Em clima da Copa do Mundo, sábado, dia 26 de novembro, tem “Vai Brasil!” no Cine Joia, em São Paulo. Compre seu ingresso aqui!

Comentários

Topo