Menu Papel POP
Foto: Reprodução/YouTube

Thalma de Freitas rebate ataques gordofóbicos após vídeo político: “Preferem piada idiota a falar da fome”

Em entrevista à coluna Painel, do jornal Folha de S. Paulo, Thalma de Freitas comentou as ofensas que vem sofrendo por parte de perfis de direita.

Nas últimas semanas, Freitas se tornou uma figura de destaque na disputa pela presidência da república ao apresentar um dos vídeo mais duros da campanha de Luiz Inácio Lula da Silva, do PT. No material, ela diz que o governo de Jair Bolsonaro, seu principal oponente nas pesquisas, fechou seus olhos para a fome do povo brasileiro e assumiu uma postura “cruel”, que remonta a uma “estrutura do mal”.

Desde então, fotos da atriz e cantora começaram a circular nas redes sociais. A mais famosa delas compara um registro recente e outro mais antigo, em que aparece mais magra. A ideia era ironizar o fato de que Freitas teria engordado durante o governo atual, a quem faz oposição.

“A apresentadora do programa do Lula diz que a fome aumentou no Brasil…”, diz o material.

À Folha, Thalma afirmou que não se abala com as tentativas de agressão e atribuiu as atitudes de apoiadores da extrema-direita a uma falta de argumento.

“Eles preferem fazer piada idiota do que tocar num assunto muito mais importante, que é a fome. Preferem fugir da responsabilidade”, comentou. “Eles estão atacando a apresentadora porque não têm o que falar da apresentação. Sou uma mulher, tenho 48 anos de idade, engordei. E daí? É só isso que vocês têm para falar? Eu fico dando risada”.

Indicada ao Grammy, em 2019, na categoria de Melhor Álbum de Jazz Latino pelo disco “Suerte!”, a artista também foi escolhida para comandar a “super live” de Lula, evento que reuniu em São Paulo um grande número de artistas.

Questionada sobre como se sente em relação aos comentários, rebateu dizendo que ataques relacionados à aparência de alguém são algo “atrasado e infantil”.

“Eu não sou frágil, minha autoestima não é frágil. Eu tenho espelho em casa, sei que eu sou linda. Mais do que isso: minha beleza vem do carisma, das virtudes que tenho, da qualidade de pessoa que eu sou. Uma pessoa que se emociona, que tem coragem, que não tem medo de falar verdades duras na televisão para o país inteiro”.

Freitas, que mora nos Estados Unidos com o marido e a filha, ainda lembrou que não pode ignorar suas raízes brasileiras simplesmente pelo fato de ter se mudado.

“Vou morar fora e vou dar as costas ao Brasil? Não. O Brasil não está preso às suas fronteiras.”

A eleição geral, que também elege senadores, governadores e deputados, acontece no próximo domingo (2). Para o posto de presidente do Brasil, os principais candidatos são Lula, do PT; Jair Bolsonaro, do PL; Ciro Gomes, do PDT; e Simone Tebet, do MDB.

Comentários

Topo