Menu Papel POP
Foto: Divulgação

Pepsi deixa de ser patrocinadora oficial do show de intervalo do Super Bowl

Times are changing! A Pepsi anunciou na noite desta terça-feira (25) que deixa de ser a patrocinadora oficial do show do intervalo do Super Bowl. A decisão ocorre após a marca de refrigerantes ter ocupado o posto por quase dez anos e não exclui a parceria de patrocínio sobre o campeonato em si, renovada nesta quarta.

Ao longo desta década, a empresa investiu milhões de dólares na realização de apresentações que tiveram como estrelas nomes como Madonna, Shakira, Jennifer Lopez, Beyoncé, Katy Perry, Maroon 5 e Lady Gaga. Mais recentemente, em 2022, o evento teve como anfitriões um super grupo de artistas ícones do rap e do hip hop.

Apresentaram-se Dr. Dre, Snoop Dogg, Eminem, Mary J. Blige, Kendrick Lamar e 50 Cent. Relembre!

O site CNBC, especializado em esportes e finanças, apurou que o contrato anterior, firmado a partir de 2013, esteve na casa dos US$ 2 bilhões.

“Nossas prioridades e suas prioridades evoluíram, e queríamos ter certeza de que, enquanto continuamos essa parceria, estamos todos trabalhando para o mesmo objetivo”, disse Tracie Rodburg, vice-presidente sênior de gerenciamento de patrocínios da NFL.

“A apresentação do intervalo do Super Bowl cresceu e se tornou o evento musical mais falado do ano e oferece o que os anunciantes mais desejam, agregando uma enorme audiência ao vivo”, afirmou um porta-voz da liga.

Comentários

Topo