Menu Papel POP
(Reprodução)

Kevin Feige explica porque Chadwick Boseman não foi substituído em “Pantera Negra: Wakanda Para Sempre”

Em entrevista à Empire Magazine, Kevin Feige, presidente da Marvel Studios, explicou o motivo de não terem substituído Chadwick Boseman como T’Challa em “Pantera Negra: Wakanda Para Sempre“, após a morte do ator em 2020. As informações são do Deadline

Para ele, “parecia muito cedo para reformular”, então eles encontraram uma forma de homenagear Boseman junto à uma abordagem diferente para a sequência, dirigida por Ryan Coogler. O ator interpretou o rei de Wakanda e dono do manto de Pantera Negra em “Capitão América: Guerra Civil” (2016), “Pantera Negra” (2018), “Vingadores: Guerra Infinita” (2018) e “Vingadores: Ultimato” (2019). 

“Stan Lee sempre disse que a Marvel representa o mundo fora de sua janela. E conversamos sobre como, por mais extraordinários e fantásticos que sejam nossos personagens e histórias, há um elemento relacionável e humano em tudo o que fazemos. O mundo ainda está processando a perda do Chad. E Ryan colocou isso na história”, disse Feige à revista. 

Ele explicou  também que, no momento em que a decisão foi tomada, eles passaram a se perguntar qual seria a melhor forma dar continuidade ao legado de Boseman. 

“As conversas eram inteiramente sobre, sim, ‘O que faremos a seguir? E como o legado de Chadwick – e o que ele fez para ajudar Wakanda e o Pantera Negra a se tornarem essas ideias incríveis, aspiracionais e icônicas – pode continuar?’. Era disso que se tratava”, explicou. 

“Pantera Negra: Wakanda Para Sempre” está programado para chegar ao cinemas brasileiros no próximo dia 10 de novembro. 

Relembre o teaser:

Comentários

Topo