Menu Papel POP

Vivica A. Fox diz que quer Zendaya em continuação ou remake de “Kill Bill”

MAIS SOBRE:

Vivica A. Fox deu uma entrevista à NME sobre uma possível sequência (ou remake) de “Kill Bill“. Ela, caso não se lembre, interpretou Vernita Green no longa de 2003. Agora, nesta sexta (10), a atriz disse que gostaria de ver Zendaya na continuação do projeto de Quentin Tarantino.

A suposta trama de “Kill Bill 3” seguiria a filha de Vernita em busca de vingança, uma vez que a Beatrix/Noiva (Uma Thurman) matou a mãe dela. Fox, então, imaginou como seria a protagonista de “Euphoria” lutando contra Thurman:

“Não tenho nenhuma palavra oficial… tive a sensação de que [Tarantino] esperava que [a atriz que interpreta] minha filha crescesse um pouco. Mas então eu estava fazendo uma entrevista e eles perguntaram ‘Qual jovem atriz você interpretaria sua filha?’ E eu fiquei tipo ‘Não, Ambrosia [Kelley]!’, Mas eles queriam dizer uma atriz estabelecida.

Então eu sugeri Zendaya! Quão legal isso seria? E isso provavelmente iluminaria esse projeto. Porque ela e Uma são muito altas, e seria apenas um pontapé, e eu a amo. Espero que agora possamos divulgar isso, como ‘Tarantino, contrate Zendaya!’ E desperte o interesse dele em colocar [o filme] no caminho mais rápido. Não seria incrível?”

Fox também quer, caso haja um remake para comemorar os 20 anos de estreia, que Uma e ela própria reprisem os papeis.

“Eu telefonaria imediatamente para meu agente, certificando-me de que eu poderia fazer parte [remake]. Tarantino tem uma ótima maneira de descobrir como trazer um personagem de volta, mesmo que eles morram, em um flashback ou algo assim. As pessoas estavam esperando, e eu também estou na fila de espera!”

Em 2019, Tarantino voltou a falar que “Kill Bill 3” pode acontecer. Recentemente, o diretor disse que pensa em se aposentar e que o próximo projeto pode ser a última produção cinematográfica dele. Será “Kill Bill” o responsável por encerrar este ciclo? Lançados respectivamente em 2003 e 2004, os dois volumes do longa contam a história de vingança da Noiva/Beatrix Kiddo contra os ex-parceiros do Deadly Viper Assassination Squad.

Tão logo chegou às telas e a narrativa se converteu em um sucesso de público e crítica, especialmente pelo fato de trazer no conteúdo referências da cultura pop e de filmes asiáticos antigos.

Comentários

Topo