Menu Papel POP

Jussie Smollett, ator de “Empire”, é preso após apresentar acusações falsas à polícia

MAIS SOBRE:

Lembra que comentamos aqui que o ator da série “Empire”, Jussie Smollett, havia sofrido um ataque homofóbico e racista em Chicago, nos EUA? Pois então, o relato era bem pesado e, aparentemente, foi mentira.

De acordo com o TVLine, o ator se entregou à polícia após ser acusado de conduta desordeira e arquivar um relatório policial falso. Se for considerado culpado, pode passar três anos na cadeia.

Quem divulgou as informações foi o porta-voz da polícia de Chicago, Anthony Guglielmi. Jussie foi preso e está em custódia.

Jussie alegava que foi agredido e espancado por dois homens brancos com máscaras de ski, que além de terem jogado alvejante nele, colocaram uma corda em seu pescoço. Enquanto iam embora a pé, segundo ator, ainda demonstraram seu apoio ao Trump. “Esse país é do MAGA (Make America Great Again)”, disseram.

Após alguns dias do ocorrido, “Diversas fontes” do jornalista Rob Elgas, da ABC 7,  apontaram que o incidente foi falsificado pois o ator estava descontente que seu personagem em Empire, Jamal Lyon, seria retirado do programa. Isso foi desmentido pela Fox.

E, após ver câmeras de segurança da região, a polícia encontrou dois irmãos nigerianos nas filmagens, Olabinjo e Abimbola Osundairo, que disseram que foram pagos para bater em Jussie.

A representante do ator, Pamela Sharp, disse que trata-se apenas de “rumores ridículos“, e que Smollet está sendo “muito prestativo e consistente” em seu relato.

Nenhum representante de Jussie se pronunciou sobre a prisão.

Comentários

Topo