Menu Papel POP
Foto: Divulgação

Andrea Beltrão está no centro do conflito em trailer inédito de “Ela e Eu”, filme que estreia em julho

Um super-elenco é o que promete o novo filme “Ela e Eu“, um drama com pinceladas de doçura dirigido por Gustavo Rosa de Moura. Com Karine Teles, Mariana Lima, Du Moscovis e Jessica Ellen, o projeto se centra na personagem de Andrea Beltrão, Bia, uma ex-roqueira que desperta após ter passado 20 anos em coma.

O acontecimento em questão vira de pernas pro ar a vida da família e a filha, Carol (Lara Tremoroux), já é uma mulher adulta. O ex-marido, Carlos (Eduardo Moscovis) tem um novo relacionamento com Renata (Mariana Lima) e a palavra entre todos será cooperação. Reaprender a conviver.

“‘Ela e Eu’ é um filme sobre como a gente faz para se adaptar diante de eventos inesperados e raros. O fato da Bia entrar em coma e depois despertar é algo completamente impossível de ser antecipado e afeta não só a vida dela mas também a de todos que estão ao seu redor. Quando acontecem coisas assim – ou uma pandemia, um desastre natural –, a gente percebe que não tem controle sobre o que a vida nos apresenta, sobre o nosso futuro, sobre os nossos planos mais profundos”, explica o diretor.

Em nota enviada por e-mail, Beltrão comentou o fato de que a história remete a uma versão atualizada da Bela Adormecida.

“Achei o argumento muito interessante, a história de uma princesa dos tempos de hoje. Como seria essa pessoa surgir depois de 20 anos, do nada? Como é o mundo dessa pessoa, como é essa pessoa no mundo?”, disse. “Me interessei em falar dos nossos limites, das nossas dificuldades extremas, de nossas deficiências físicas, mentais ou afetivas.”

Assista ao trailer!

A estreia nos cinemas ocorre em 21 de julho.

Comentários

Topo