Menu Papel POP
Foto: Divulgação

Selena Gomez e Taylor Swift lamentam massacre em escola nos EUA e cobram autoridades

Selena Gomez e Taylor Swift vieram a público na noite da última terça-feira (24) para lamentar o massacre que aconteceu em uma escola do estado Texas, nos Estados Unidos, que deixou 21 mortos no início da semana. Ao se pronunciarem, as artistas também cobraram as autoridades por leis mais eficazes sobre o controle de armas no país.

Em sua conta no Twitter, Swift compartilhou um vídeo em que Steve Kerr, técnico de basquete na NBA, pede por leis que possam regular, de fato, as armas de fogo. “Cheia de ira e pesar, e muito triste pelos assassinatos em Uvalde. Pelos de Buffalo, Laguna Woods e tantos outros. Por todas as formas que nós, como uma nação, ficamos condicionados às tristezas incomensuráveis e insuportáveis. As palavras de Steve soam tão verdadeiras e são muito profundas”, escreveu Taylor.

“Hoje, em meu estado-natal do Texas, 18 estudantes inocentes foram mortos enquanto simplesmente tentavam conseguir uma educação. Uma professora foi morta fazendo seu trabalho; um trabalho inestimável mas ainda menosprezado. Se as crianças não estão seguras nas escolas, onde elas estão seguras?”, questionou Gomez. “É muito frustrante e eu não sei mais o que dizer. Aqueles no poder precisam parar de falar as coisas da boca pra fora e realizar mudanças nas leis para prevenir esses tiroteios no futuro.”

Outras celebridades também lamentaram o acontecimento, como Olivia Rodrigo. “Estou com o coração partido por esta ser a realidade que estamos vivendo. Precisamos de leis mais rígidas para o controle de armas nos Estados Unidos agora”, disse.

Comentários

Topo