Menu Papel POP
Foto: Getty Images

Quadro de Marilyn Monroe pintado por Andy Warhol vai a leilão por US$ 195 milhões; valor quebra recorde

Lembra daquela serigrafia famosa de Marilyn Monroe feita por Andy Warhol na década de 1960? Pois é. Tornou-se um clássico da arte pop, mas agora também é um marco na história norte-americana. Isto porque, no último domingo, o quadro foi vendido em um leilão beneficente por impressionantes US$ 195 milhões (algo em torno de R$ 1 bilhão).

A cifra extensa confere a ele agora o título de obra de arte mais cara já vendida nos Estados Unidos, superando a marca anterior, alcançada por uma pintura de caveira deixada pelo amigo e também pintor Jean-Michel Basquiat (US$ 110,5 milhões).

Ah, isso também equivale dizer que ela vale um tanto mais, por exemplo, do que um quadro de Pablo Picasso… Já pensou?

A estimativa da casa de leilões, segundo o jornal New York Post, era um pouquinho maior, algo em torno dos US$ 200 milhões. O quadro, que já foi exposto em diferentes museus ao redor do mundo, agora deve ficar com um negociante de arte chamado Larry Gagosian.

A renda será revertida para organizações e fundações que trabalham em prol de crianças com problemas de saúde e programas educacionais.

Comentários

Topo