Menu Papel POP
Foto: Divulgação/Marvel

Disney recusa pedido da Arábia Saudita para tirar “referências LGBTQ” de “Doutor Estranho 2”

Segundo o The Guardian, a Arábia Saudita pediu para que a Disney cortasse todas as “referências LGBTQ” presentes em “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” antes que o filme possa ser exibido no reino. No entanto, a companhia vem se recusando a fazer alterações na produção.

Os cortes solicitados somam 12 segundos, todos formados por cenas em que America Chavez, personagem lésbica, fala sobre suas duas mães. “É apenas ela falando sobre suas mães, porque ela tem duas mães”, disse Nawaf Alsabhan, supervisor geral de classificação de cinema da Arábia Saudita: “E estando no Oriente Médio, é muito difícil aprovar algo assim.”

Mesmo com a companhia não demonstrando disposição para acatar tais pedidos, Alsabhan negou os boatos de que o filme seria banido totalmente do país: “Não há razão para proibir o filme. É uma edição simples… Até agora eles se recusaram. Mas não fechamos a porta. Ainda estamos tentando.”

Com direção de Sam Raimi, de “Homem-Aranha”, “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” chega aos cinemas em 5 de maio e promete explorar os limites e as possibilidades do multiverso. O elenco conta com nomes como Benedict CumberbatchElizabeth OlsenRachel McAdams e Benedict Wong.

Relembre o trailer oficial:

Comentários

Topo