Menu Papel POP
Foto: Divulgação

Anitta desabafa após fala fora de contexto ser usada em revista: “Frustrante, cansativo, desestimulante”

MAIS SOBRE:

Bom, horas depois de a Nylon Magazine ter anunciado Anitta como capa de uma edição comemorativa, a artista veio a público dizer que não gostou nada nada da frase usada como chamada. À ocasião, teria sido atribuída à artista brasileira os seguintes dizeres:

Nos Estados Unidos, todo mundo só quer parecer legal. No Brasil, todo mundo quer se divertir e transar e eu quero trazer essa energia para cá”.

“Infelizmente, ainda não consigo colocar o Paulo [assessor de imprensa] pra contorlar essas coisas fora do país”, escreveu a artista, em resposta a um fã. “Porque se eu conseguisse, meu amor… sabe quando que iam fazer sensacionalismo comigo? Na puta que pariu (sic). Mano, eu tô soltando fogo pelo nariz. Tira de mim todo o ódio, pelo amor de Deus”.

A artista prosseguiu fazendo duras críticas à fala, cheia de estereótipos da cultura brasileira e dizendo que a experiência é “frustrante, cansativa e desestimulante”.

“Esse tipo de polêmica aí eu não usaria jamais, nem se fosse pra ficar mais famosa que o papa. Isso é um desrespeito do caralho com muita gente e muita coisa na vida”, prosseguiu. Ela também citou o fato de que não pode aprovar o material antes de sua publicação.

“Eu tô perplexa com essa manchete real. Tô vendo essa cpaa agora pelo seu insta e tô desacreditada dessa manchete completamente fora do contexto de tudo”.

A Nylon Magazine, uma das revistas mais importantes do circuito alternativo, distribuiria o material durante o festival Coachella. Até o momento, a revista não comentou as críticas de Anitta.

Comentários

Topo