Menu Papel POP
Foto: Divulgação

True crimes brasileiros em ascensão: podcasts, livros e produções sobre casos que chocaram o país

O true crime é um gênero que vem ganhando cada vez mais destaque no âmbito nacional. O segmento acompanha casos reais de crimes e se reproduz na literatura, no universo cinematográfico e até mesmo em podcasts. É importante ressaltar que todas produções não são apenas “baseadas em fatos reais”, mas os reproduzem e os contam de maneira literal, com todos os detalhes do crime narrado. 

As produções vem crescendo ao redor do mundo e alguns dos casos mais famosos é o de Ted Bundy, um serial killer americano que ganhou um documentário no Netflix com todos os detalhes dos crimes explicados pelo próprio criminoso. No Brasil, o assunto também vem ganhando notoriedade pelas produções que reproduzem os casos que mais chocaram o país. 

O Papelpop selecionou alguns dos crimes mais intrigantes e curiosos ambientados no Brasil que, por toda a manifestação envolta destes acontecimentos, ganharam produções baseadas em tais fatos. Confira a lista abaixo!

“A Menina Que Matou Os Pais” / “O Menino Que Matou Meus Pais”

Onde assistir? Prime Video

Sem dúvidas, este é um dos crimes que mais chocou o país. A história de Suzane Von Richthofen, acusada de matar os pais junto com o namorado e o cunhado, os irmãos Cravinhos, foi retratado nos filmes “A Menina Que Matou Os Pais” e “O Menino Que Matou Meus Pais”, que variam entre as versões dos acusados.

Os filmes estrelados por Carla Diaz seriam lançados em 2020 nos cinemas, mas, por conta da pandemia, foram postergados e lançados pelo Amazon Prime Video em setembro de 2021.

“Elize Matsunaga: Era Uma Vez Um Crime”

Onde assistir? Netflix

Em junho deste ano, a série documental “Elize Matsunaga: Era Uma Vez Um Crime” chegou ao catálogo do Netflix com quatro episódios. Com uma série de depoimentos inéditos de Elize, a produção revisita a história conturbada entre Marcos Matsunaga, presidente do grupo Yoki, e sua esposa, que o assassinou e o esquartejou em maio de 2012.

Desde a infância humilde no interior do Paraná até o relacionamento conturbado com o empresário, o registro acompanha e reconstitui detalhes que sucederam o assassinato, tentativas de acobertar o crime, a confissão, prisão, o julgamento, que aconteceu em 2016, e até mesmo as saídas temporárias.

“Caso Evandro”

Onde assistir? Globoplay

Em abril de 1992, Evandro Ramos Caetano, um garoto de apenas 6 anos, desapareceu na cidade de Guaratuba, no Paraná. Alguns dias depois, o corpo do menino foi encontrado em um matagal, sem alguns órgãos e com alguns membros amputados. 

A investigação do caso, originalmente contada no podcast de Ivan Mizanzuk, e que ganhou uma adaptação em uma série documental original do Globoplay posteriormente, foi repleta de conspirações sobre o que levou o crime a acontecer. Entre elas, vingança, infidelidade conjugal, conspiração política e rituais satânicos.

O podcast sobre “O Caso Evandro”, também conhecido como “As Bruxas de Guaratuba”, está disponível nas plataformas de áudio. A série documental está no catálogo do Globoplay.

A casa: A história da seita de João de Deus”

Onde encontrar? Amazon

No fim de 2018, diversas acusações de assédio sexual vieram de mulheres que haviam sido atendidas por João de Deus, suposto médium curandeiro que arrastou multidões pelos seus “milagres”. O também empresário frequentava casas de políticos e atendia famosos nacionais e internacionais. Após as denúncias virem à tona, outros casos foram abertos na justiça em nome de João. 

O livro de Chico Felitti, “A casa: A história da seita de João de Deus”, adentra ao longo do 40 anos de farsas do falso médium, que inclui atores contratados para interpretarem falsos doentes, propina para acobertar abusos do líder religioso, assassinatos na pequena cidade de Abadiânia, entre outros absurdos.

“Doutor Castor”

Onde encontrar? Globoplay

Castor de Andrade, conhecido como Doutor Castor, foi um dos maiores bicheiros do país. Explorando o futebol e o carnaval, duas paixões brasileiras, constituiu sua imagem pelo crime organizado no Rio de Janeiro. 

Original da Globoplay, a série documental de quatro episódios retrata a história do criminoso com imagens de arquivo, além de diversas entrevistas com personalidades do futebol, sambistas, historiadores, jornalistas e economistas, levantando diversas criminalidades do bicheiro.

O Maníaco do Parque: O Serial Killer Brasileiro

Onde encontrar? Spotify

Francisco de Assis Pereira, conhecido como o  maníaco do parque, foi um dos serial killers mais conhecidos do país que, durante os anos 90, atraía mulheres para o Parque do Estado, na Zona Sul de São Paulo, e assassinava suas vítimas.

No episódio 48 do podcast “Modus Operandi”, liderado por Carol Moreira e Mabê, o caso é retratado em detalhes. Incluindo os perfis de cada uma das 11 vítimas, os crimes que eram cometidos além dos assassinatos (abuso sexual, agressão e necrofilia) e o julgamento do criminoso condenado a 268 anos de prisão.

Isabella Nardoni 

Onde assistir? Prime Video

Um dos casos de maior comoção do país foi o de Isabella Nardoni. A criança de apenas 5 anos foi encontrada morta em março de 2008 após ter sido jogada do sexto andar de um prédio na Zona Norte de São Paulo. O apartamento pertencia ao seu pai, um advogado que residia com a madrasta da criança e mais dois filhos do casal.

O primeiro episódio da série documental “Investigação Criminal”, disponível no Prime Video. conta a história detalhes do assassinato, além de reconstituir cenas do ocorrido. O pai, Alexandre Nardoni, afirmou em um depoimento que o prédio havia sido assaltado e a menina teria sido empurrada por um dos bandidos. No entanto, junto com sua esposa, Anna Carolina Jatobá, o advogado foi condenado ao assassinato da própria filha.

A República das Milícias”

Onde ouvir? Spotify

O podcast “A República das Milícias”, versão em áudio da obra do jornalista Bruno Paes Manso, é dividido em 8 episódios e retrata em detalhes as quadrilhas milicianas do Rio de Janeiro e a forma como funcionam e organizam os crimes cometidos na cidade “maravilhosa”. Ele também analisa o avanço das milícias no país, as relações de milicianos com a família Bolsonaro, e como o crime organizado não é mais apenas um “Universo paralelo”.

“Bandidos na TV”

Onde assistir? Netflix

Wallace Souza foi por 10 anos um apresentador de uma rede de televisão local no Amazonas. Com o “Canal Livre”, noticiário sensacionalista de grande sucesso e que já chegou a ultrapassar a audiência de grandes emissoras, ele noticiava e investigava assassinatos. No entanto, o apresentador foi acusado de planejar os assassinatos que abordava.

“Bandidos na TV”, uma série original da Netflix, conta todo o processo de criminalização de Wallace, desde a acusação, a denúncia, o julgamento e a comoção por parte das famílias das vítimas.

“O Lobo atrás da porta”

Onde assistir? Netflix

Conhecida como “Fera da Penha”, Neyde Maria Maia Lopes foi indiciada em 1960 pelos crimes de sequestro e assassinto de uma criança de 4 anos, filha de um homem casado com o qual tinha envolvimento. 

O filme “O Lobo Atrás da Porta” estreado em 2014 e protagonizado por Fabiula Nascimento, Juliano Cazarré e Leandra Leal, conta a história do desaparecimento da criança, assim como o descobrimento da relação extraconjugal de Bernardo (Milhem Cortaz) e os desdobramentos do caso.

“Os Canibais de Garanhuns”

Onde ouvir? Spotify

Em 2012, Giselly Helena da Silva (31) e Alexandra da Silva Falcão (20), foram desaparecidas na cidade de Garanhuns. O trio conhecido como “Canibais de Garanhuns” foi condenado em 2014 por assassinar, esquartejar, consumir e vender a carne das mulheres dentro de coxinhas em um estabelecimento.

O episódio 23 do podcast “Que Crime Foi Esse?”, apresentado por Anna Lívia Marques e Fernanda Rentz, conta a maneira em que os crimes aconteciam e as motivações satânicas que os colocavam nesta posição. 

***

 

Comentários

Topo