Menu Papel POP
Foto: Divulgação

Vinte momentos em que a Britney Spears foi a maior que temos no pop

Como já dizia Dona Hermínia (ou Britney Spears): “eu tô free!”. Pois é, Britney se desprendeu de muitas coisas, motivou um movimento mundial por sua liberdade, mas não é de hoje que ela é referência e atrai olhares.

São muitas as situações que lembramos de atitudes, apresentações e projetos icônicos que nos deixam sem reação com tanto impacto. A princesa do pop, como é popularmente conhecida, muitas vezes já pegou a carteirinha da artista pop do momento.

É nessa energia, e tentando nos conter, que vamos conferir algumas situações em que a Britney Spears foi a maior que temos no pop.

1. Dominação global

Animação? Sim, esse era o plano inicial para o clipe de “Baby one more time” mas a produção resolveu mudar os rumos ao longo do projeto. A própria Britney deu a ideia dos figurinos e o conceito do vídeo, contribuindo para um clipe memorável e atemporal. 

2. O famoso beijo

Se essa não é a cena de beijo mais icônica do pop não sabemos qual é. Em pleno MTV Video Music Awards 2003, Madonna e Britney dividiram o palco pela primeira vez, o que rendeu também um beijo da rainha e princesa do pop durante a premiação. Que dia!

3. Início da fase adulta em Hollywood

No mesmo ano de 2003, Britney, com apenas 21 anos de idade, foi a artista mais jovem a conquistar uma estrela na calçada da fama. Fico só imaginando o que estávamos fazendo com a mesma idade, fica aí a reflexão. 

4. Lançou tendência

Nos anos 2000, você andava na rua e percebia muitas pessoas usando piercing no umbigo Britney corre aqui! A artista popularizou o acessório, um dos mais polêmicos nas últimas décadas, e inspirou uma tendência que permanece até hoje, mesmo que mais sutil. 

5. Marte, aí vou eu…

O clipe de “Oops I did it again” mostrou o espírito da época dos anos 2000. Spears apostou em viagens espaciais, filmes blockbusters e coreografias dignas de Tik Tok. No corpo ela trouxe o macacão de látex vermelho, que ficou também na cabeça por muito tempo, e, em 2021, ainda é lembrado por ela.

6. Showgirl 

VMA 2000, 18 anos, esse era o cenário quando Britney apresentou o medley de “(I can’t get no) Satisfaction” e “Oops I did it again”. Mas ela não ficou presa aos versos dos Rolling Stones e transformou a apresentação em um número potente de dança, com troca de roupa e muita ginga. Queria no réveillon! 

7. Nem só de música viveu o Billboard Music Awards de 2000

Já que é para ir, vamos chegar chegando. Esse foi o pensamento dela quando desafiou o conceito de “belo” e apostou em um conjunto duvidoso para a época. Empresta para nós, mulher! 

8. Encontro com o rei do pop

Em 2001, Michael Jackson convidou Britney para comemorar seus 30 anos de carreira em um show especial. O lugar? Apenas o Madison Square Garden. A participação não foi televisionada por causa de uma cláusula no contrato de Britney, mas anos depois o encontro vazou na internet. Por que choras, Fátima? 

9. Abram alas para o vestido jeans

Não temos nem roupa para esse tópico. O famoso vestido jeans usado na cerimônia do American Music Awards, de 2001, desafiou o uso do tecido e ainda trazia um adereço chamativo: Justin Timberlake.

10. O poder

Britney foi eleita pela revista Forbes a celebridade mais poderosa do mundo em 2002. Detalhe: com apenas 20 anos. Depois, o Guinness Book a considerou a pessoa mais pesquisada da década. Lenda!

11. Deu o nome no VMA

Ter como companheira de dança uma cobra pode parecer loucura, mas para Britney rendeu um dos momentos mais lembrados do pop, dos registros históricos e festas à fantasia por aí.

12. “Toxic”

A aeromoça de Britney nos envolve até hoje, arrisque abrir o YouTube, que não era disponível na época do lançamento do clipe, e você verá essa “viagem” inesquecível. Ainda tem a fase ruiva e outra morena para registrar um dos melhores vídeos do pop. Vem Toxic 2.0! 

13. Palavras têm poder 

“It’s Britney, bitch”, a introdução de “Gimme More”, virou uma palavra de ordem para a auto confiança e imposição da personalidade. A frase abre o sétimo álbum de estúdio de Britney, Blackout, de 2007, e mostra de cara o tom de ironia do disco para se colocar com firmeza.

14. O seu lado da história

Britney lançou em 2008 o documentário Britney: For The Record, depois de algumas situações confusas e pesadas na vida pessoal e profissional. O material acompanhava a sua volta aos palcos e o lançamento de seu sexto álbum de estúdio, Circus. A cantora assumiu o protagonismo, como pouco visto em sua jornada, e contou o seu lado da história, de forma mais profunda. 

15. A maior em 140 caracteres

Fã sensata! Em 2011, um tweet de Britney viralizou por não ter muito sentido em um primeiro momento. O conteúdo é: “Alguém acha que o aquecimento global é uma coisa boa? Eu adoro Lady Gaga! Acho que ela é uma artista muito interessante.” Vamos contextualizar: um fã tinha perguntado a posição dela sobre o aquecimento global e, junto, sobre a Lady Gaga. Britney respondeu tudo seguido na mesma publicação e marcou a linha do tempo da plataforma.

16. Empreendedora

O show de sua residência em Las Vegas, em 2003, contrariou as expectativas negativas e movimentou o turismo da cidade, além de lançar um novo modelo de apresentações replicado por muitas artistas. Jennifer Lopez, Gwen Stefani, Christina Aguilera, e, recentemente, Adele, foram algumas artistas que se inspiraram.

17. Ela parou o trânsito em Tel Aviv!

Em 2017, Britney se apresentou em Tel Aviv, em Israel, para um público de 55 mil pessoas. Resultado? As eleições da presidência precisaram ser adiadas para que os fluxos fossem organizados e todo mundo conseguisse chegar até o local de votação.

18. Anúncios…

A apresentadora Ellen DeGeneres chamou Britney, em 2018, para anunciar uma novidade em seu programa. Como quem não quer nada, a artista disse que faria um anúncio na semana seguinte. Eis a novidade! 

19. Festa do pijama badalada

O ano de 2016 foi marcado pelo lançamento de Glory, o nono álbum de Britney. Uma das canções, “Slumber Party”, teve a participação da cantora Tinashe. Não teve tanta repercussão mas o barulho por aqui é certo.

20. De volta ao protagonismo!

No dia 23 de junho, durante uma audiência aberta em que Britney pedia a substituição de Jamie Spears em sua tutela, a cantora disse: “Não consigo acreditar em como o estado da Califórnia pode ter tudo isso escrito nos autos do processo e não fazer absolutamente (…) Meu pai e todos os envolvidos nessa tutela e minha gestão, que desempenharam um papel fundamental em me punir, deveriam estar na prisão”.

Em novembro, o Governo da Califórnia encerrou oficialmente a tutela de Britney Spears. Liberdade e boas energias para os próximos passos da maior! EDIT: ao que tudo indica, em breve também teremos single inédito. Que ela arrase e fique bem!

 

*Colaborou Mike Faria

Comentários

Topo