Menu Papel POP
Foto: Divulgação

Ava Rocha revive o álbum “Diurno” com ação comemorativa de dez anos

A cena independente de São Paulo viu nas criações de Ava Rocha, já conhecida por seus trabalhos com o audiovisual, uma importante via de escape para os anseios de uma geração artisticamente inquieta, pré-internet. No disco “Diurno”, trabalho que abriu as portas de sua discografia há dez anos, a artista colocou o próprio nome no mapa da música a partir de seus versos e voz imponentes.

Ao seu lado, formando a banda AVA, estavam Nana Carneiro da Cunha, Daniel Castanheira (percussão, bateria, programações) e Emiliano Sette, e que precedeu seus discos solos posteriores “Ava Patrya Yndia Yracema” (2015) e “Trança” (2018).

Em celebração à data e a completude deste ciclo de uma década, a Warner Music relança o projeto em formato digital. Para a ocasião, as 14 faixas serão relançadas semanalmente em uma espécie de contagem regressiva de parabéns. A primeira escolhida foi “Só Uma Mulher”, canção que se dedica à subjetividade e o entrecruzamento de gêneros. Em seguida, nesta sexta, chega “Movimento dos Barcos”, faixa de autoria da dupla Jards Macalé e Capinam.

Assista ao clipe no player.

O cronograma completo com as datas, que se estende até o mês de dezembro, você confere abaixo.

O futuro – 08/10
Infinito azul – 15/10
Batendo no mundo – 22/10
Acorda amor – 29/10
Filha da Ira – 05/11
Ela é o samba – 12/11
Sé que estoy vivo – 19/11
Bons momentos – 26/11
Pra dizer adeus – 03/12
Fanfarra – 10/12
Diurno – 17/12

Comentários

Topo