Menu Papel POP
Foto: Divulgação/Ernnacost

Entrevista: Pabllo Vittar e Luísa Sonza falam ao Papelpop sobre “Queen Stars”, novo reality da HBO Max

Enquanto colhem os frutos de seus respectivos novos álbuns de estúdio, “Batidão Tropical” e “Doce 22”, Pabllo Vittar e Luísa Sonza trabalham paralelamente nas gravações de “Queen Stars“. Ambas são as apresentadoras do reality show, anunciado em uma grande cerimônia no mês de maio que confirmou a estreia da HBO Max no Brasil e no restante da América Latina.

A proposta, que se conecta de certa forma ao enredo de outras produções gringas como “Legendary“, visa encontrar novos talentos da arte drag e coroar não apenas um, mas 3 nomes.

“Eu sempre assisti ‘RuPaul’s Drag Race’, comecei minha carreira justamente por conta disso”, conta Pabllo, em entrevista exclusiva ao Papelpop. “Eu me vejo muito nas meninas e ‘Queen Stars’, além de ser um programa em que você lida com seres humanos, sonhos, você se emociona muito. Temos responsabilidades na escolha, fico com o coração muito apertado quando elas tem que sair, quando conhecemos um pouco da história e da garra delas”.

Ainda sem data de estreia definida, o programa será dividido em 8 episódios temáticos que contam com a presença de três jurados, três mentores e convidados especiais. No palco, as concorrentes devem mostrar suas habilidades de dança, canto, personalidade e performance – aspectos que se conectam, de uma forma ou de outra, com as trajetórias pessoais.

“É uma competição porque é um programa, mas tratamos sempre as meninas como quem foi melhor hoje e não num geral”, explica Luísa, referindo-se ao clima de disputa. “Por mais que exista essa coisa da rivalidade, todas são muito amigas e choram quando a outra precisa sair. Tudo acontece dentro de um ambiente muito saudável. A gente mesma, enquanto artista, luta pra acabar com isso”.

A íntegra da conversa você assiste no abaixo.

Comentários

Topo