Menu Papel POP
Cerimônia ocorreu com a presença de cerca de 600 pessoas em dois ambientes (Foto: Getty Images)

Emmy 2021: cerimônia coroa “The Crown”, “O Gambito da Rainha” e “Mare of Easttown”

Em sua primeira edição presencial desde o início da pandemia, o Emmy Awards retomou suas atividades com otimismo. Com um hub em Londres e outro em Los Angeles, a edição de número 73 teve como maiores vencedoras da noite as séries “The Crown, “Ted Lasso” e “O Gambito da Rainha”.

Sucesso absoluto da Netflix, “The Crown” venceu 7 prêmios, entre eles Melhor Série de Drama pela primeira vez após 3 anos consecutivos na disputa. Seus grandes momentos desta noite, no entanto, reservaram-se aos discursos de agradecimento de Jessica Hobbs e Olivia Colman. A diretora destacou a falta de representatividade feminina na categoria em anos anteriores, enquanto a atriz, coroada a melhor entre as concorrentes de Série de Drama, dedicou o prêmio ao pai, vítima da Covid-19.

No embalo do troféu de Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Drama, vencido por Gillian Anderson, a categoria masculina rendeu uma estatueta para Tobias Menzies, responsável por interpretar o Principe Phillip no enredo. Houve surpresa, visto que o favorito era o ator Michael K. Williams, que faleceu no início de setembro. O ator Josh O’Connor (Príncipe Charles) também se deu bem e levou Melhor Ator em Série de Drama.

Nenhuma das vitórias da noite foi tão entusiasmada quanto a de Kate Winslet, coroada Melhor Atriz em Minissérie, Antologia ou Filme pra TV por “Mare of Easttown”, que dominou as categorias de atuação.

“Quero reconhecer todas as outras atrizes que concorreram comigo, ainda mais nesta década em que as mulheres devem apoiar umas às outras”, disse. “‘Mare of Easttown’ foi um momento cultural que reuniu as pessoas e deu um assunto pra falar além da pandemia no mundo inteiro. Brad [Brad], você criou uma mãe, uma mulher de meia idade. Você fez com que nós nos reconhecêssemos nela, a sua paixão valeu a pena. Aprendi tanto com as mulheres da HBO”.

Nas categorias de talk show o destaque foi Last Week Tonight with John Oliver, uma referência na junção entre jornalismo e entretenimento. Após uma cerimônia marcada pela imponência de “Schitt’s Creek”, 2021 colocou o protagonismo nas mãos de “Hacks”, que deu a Jean Smart o quarto Emmy da carreira por seu papel como a comediante Deborah Vance. O programa, original da HBO Max, ainda levou para casa troféus de roteiro e direção.

“Tenho que reconhecer o meu marido que se foi há 6 meses”, disse em agradecimento, visivelmente emocionada. “Não estaria aqui sem ele, sem que ele pusesse sua carreira em segundo plano pra que eu pudesse ter essa oportunidade”.

Veterana do Emmy, “RuPaul’s Drag Race” abocanhou duas novas estatuetas. Em disputas bastante ecléticas, o programa levou pra casa Melhor Apresentador de Reality Show e Melhor Reality Show. Agora são 11 vitórias e o título de pessoa negra mais premiada da história da honraria.

“Obrigada à Academia, quero agradecer a todos os nossos filhos e filhas do programa espalhados pelo mundo”, exclamou a apresentadora no palco, ao lado de Michelle Visage e Kade Gottlieb e Reggie Gavin. “Vocês são pessoas que contam sua história de coragem e como sobreviver nesse mundo cada vez mais difícil. Vocês tem uma tribo esperando por vocês aqui. Vem pra mama Ru!”.

A justiça também foi feita e, após uma longa temporada marcada por esnobadas, a atriz e roteirista Michaela Coel brilhou ao receber o prêmio de Melhor Roteiro em Minissérie de Drama por “I May Destroy You”. Ela também concorria na ocasião em categorias técnicas, ambas sem sucesso, pelo drama da jovem Arabella.

Na trama, inspirada em eventos pessoais, ela vê sua vida mudar após tomar um Boa Noite, Cinderela. O discurso foi de longe o mais poderoso da ocasião.

“Escrevi alguma coisa porque sou roteirista. A você que está em casa, escreva o que te dá medo e é desconfortável”, disse em seu discurso. “Eu te desafio a fazer isso. Temos que escrever como a gente se sente sobre nós mesmos, precisamos ter visibilidade. Não tenha medo de desaparecer e entrar no silêncio. Dedico esse prêmio aos sobreviventes de abuso sexual”.

Confira abaixo a lista completa de vencedores (em negrito)

Melhor minissérie

  • “I may destroy you”
  • “Mare of Easttown”
  • “O gambito da rainha”
  • “The underground railroad”
  • “WandaVision”

Melhor série de drama

  • “The boys”
  • “Bridgerton”
  • “The crown”
  • “The handmaid’s tale”
  • “Lovecraft Country”
  • “The Mandalorian”
  • “Pose”
  • “This is us”

Melhor série de comédia

  • “Black-ish”
  • “Cobra Kai”
  • “Emily em Paris”
  • “Hacks”
  • “The flight attendant”
  • “O método Kominsky”
  • “Pen15”
  • “Ted Lasso”

Melhor atriz em série dramática

  • Uzo Aduba, “In treatment”
  • Olivia Colman, “The crown”
  • Emma Corrin, “The crown”
  • Elisabeth Moss, “The handmaid’s tale”
  • Mj Rodríguez, “Pose”
  • Jurnee Smollett, “Lovecraft Country”

Melhor ator em série dramática

  • Sterling K. Brown, “This is us”
  • Jonathan Majors, “Lovecraft Country”
  • Josh O’Connor, “The crown”
  • Regé-Jean Page, “Bridgerton”
  • Billy Porter, “Pose”
  • Matthew Rhys, “Perry Mason”

Melhor atriz em série de comédia

  • Aidy Bryant, “Shrill”
  • Kaley Cuoco, “The flight attendant”
  • Allison Janney, “Mom”
  • Tracee Elis-Ross, “Black-ish”
  • Jean Smart, “Hacks”

Melhor ator em série de comédia

  • Anthony Anderson, “Black-ish”
  • Michael Douglas, “O método Kominsky”
  • William H. Macy, “Shameless”
  • Jason Sudeikis, “Ted Lasso”
  • Kenan Thompson, “Kenan”

Melhor atriz em minissérie ou filme para TV

  • Michaela Coel, “I may destroy you”
  • Cynthia Erivo, “Genius: Aretha”
  • Elizabeth Olsen, “WandaVision”
  • Kate Winslet, “Mare of Easttown”
  • Anya Taylor-Joy, “O gambito da rainha”

Melhor ator em minissérie ou filme para TV

  • Paul Bettany, “WandaVision”
  • Hugh Grant, “The undoing”
  • Ewan McGregor, “Halston”
  • Lin-Manuel Miranda, “Hamilton”
  • Leslie Odom Jr., “Hamilton”

Melhor atriz coadjuvante em série dramática

  • Gillian Anderson, “The crown”
  • Helena Bonham Carter, “The crown”
  • Ann Dowd, “The handmaid’s tale”
  • Emerald Fennell, “The crown”
  • Madeline Brewer, “The handmaid’s tale”
  • Aunjanue Ellis, “Lovecraft Country”
  • Yvonne Strahovski, “The handmaid’s tale”
  • Samira Wiley, “The handmaid’s tale”

Melhor ator coadjuvante em série dramática

  • Giancarlo Esposito, “The Mandalorian”
  • O-T Fagbenle, “The handmaid’s tale”
  • John Lithgow, “Perry Mason”
  • Tobias Menzies, “The crown”
  • Max Minghella, “The handmaid’s tale”
  • Chris Sullivan, “This is us”
  • Bradley Whitford, “The handmaid’s tale”
  • Michael K. Williams, “Lovecraft Country”

Melhor atriz coadjuvante em série de comédia

  • Aidy Bryant, “Saturday Night Live”
  • Hannah Einbinder, “Hacks”
  • Kate McKinnon “Saturday Night Live”
  • Rosie Perez, “The flight attendant”
  • Cecily Strong, “Saturday Night Live”
  • Juno Temple, “Ted Lasso”
  • Hannah Waddingham, “Ted Lasso”

Melhor ator coadjuvante em série de comédia

  • Brett Goldstein, “Ted Lasso”
  • Brendan Hunting, “Ted Lasso”
  • Nick Mohammed, “Ted Lasso”
  • Paul Reiser, “O método Kominsky”
  • Kenan Thompson, “Kenan”
  • Bowen Yang, “Saturday Night Live”
  • Carl Clemons-Hopkins, “Hacks”

Melhor atriz coadjuvante em minissérie ou filme para TV

  • Renée Goldsberry, “Hamilton”
  • Kathryn Hahn, “WandaVision”
  • Moses Ingram, “O gambito da rainha”
  • Julianne Nicholson, “Mare of Easttown”
  • Jean Smart, “Mare of Easttown”
  • Phillipa Soo, “Hamilton”

Melhor ator coadjuvante em série limitada ou filme para TV

  • Thomas Sangster, “O gambito da rainha”
  • Daveed Diggs, “Hamilton”
  • Paapa Essiedu, “I may destroy you”
  • Jonathan Groff, “Hamilton”
  • Evan Peters, “Mare of Easttown”
  • Anthony Ramos, “Hamilton”

Melhor roteiro em série de drama

  • Rebecca Sonnenshine, “The boys”
  • Peter Morgan, “The crown”
  • Yahlin Chang, “The Handmaid’s Tale”
  • Misha Green, “Lovecraft Country”
  • Dave Filoni, “The Mandalorian”
  • Jon Favreau, “The Mandalorian”
  • Ryan Murphy, Brad Falchuk, Steven Canals, Janet Mock e Our Lady J, “Pose”

Melhor direção em série de drama

  • Julie Anne Robinson, “Bridgerton”
  • Benjamin Caron, “The crown”
  • Jessica Hobbs, “The crown”
  • Liz Garbus, “The Handmaid’s Tale”
  • Jon Favreau, “The Mandalorian”
  • Steven Canals, “Pose”

Melhor roteiro em série de comédia

  • Steve Yockey, “The Flight Attendant”
  • Meredith Scardino, “Girls5eva”
  • Lucia Aniello, Paul W. Downs, Jen Statsky, “Hacks”
  • Maya Erskine, “Pen15”
  • Jason Sudeikis, Brendan Hunt e Joe Kelly, “Ted Lasso” (episódio “Make Rebecca Great Again”)
  • Jason Sudeikis, Bill Lawrence, Brendan Hunt e Joe Kelly, “Ted Lasso” (episódio Piloto)

Melhor direção em série de comédia

  • James Burrows, “B Positive”
  • Susanna Fogel, “The Flight Attendant”
  • Lucia Aniello, “Hacks”
  • James Widdoes, “Mom”
  • Zach Braff, “Ted Lasso”
  • MJ Delaney, “Ted Lasso”
  • Declan Lowney, “Ted Lasso”

Melhor direção em minissérie ou filme para TV

  • Thomas Kail, “Hamilton”
  • Michaela Coel, “I may destroy you”
  • Sam Miller, “I may destroy you”
  • Craig Zobel, “Mare of Easttown”
  • Scott Frank, “O gambito da rainha”
  • Barry Jenkins, “The Underground Railroad”
  • Matt Shakman, “WandaVision”

Melhor roteiro em minissérie ou filme para TV

  • Michaela Coel, “I may destroy you”
  • Brad Ingelsby, “Mare of Easttown”
  • Scott Frank, “O gambito da rainha”
  • Chuck Hayward e Peter Cameron, “WandaVision”
  • Jac Schaeffer, “WandaVision”
  • Laura Donney, “WandaVision”

Melhor roteiro em série de variedades

  • “The Amber Ruffin Show”
  • “A Black Lady Sketch Show”
  • “Last Week Tonight With John Oliver”
  • “The Late Show With Stephen Colbert”
  • “Saturday Night Live”

Melhor talk show

  • “Conan”
  • “The Daily Show with Trevor Noah”
  • “Jimmy Kimmel Live!”
  • “Last Week Tonight with John Oliver”
  • “The Late Show with Stephen Colbert”

Melhor reality show de competição

  • “The amazing race”
  • “Nailed it!”
  • “RuPaul’s drag race”
  • “Top chef”
  • “The voice”

Melhor especial de variedades pré-gravado

  • “Bo Burnham: Inside”
  • “David Byrne’s American Utopia”
  • “8:46 – Dave Chappelle”
  • “Friends: The Reunion”
  • “Hamilton”
  • “A West Wing Special To Benefit When We All Vote”

Comentários

Topo