Menu Papel POP
Ator também estrela nova versão de "Cinderella", que estreia em setembro (Divulgação)

Billy Porter é escalado para dirigir “To Be Real”, comédia queer do Amazon Studios

Após uma longa batalha de negociação envolvendo o longa “To Be Real“, o Amazon Studios levou a melhor e adquiriu os direitos da obra. Escrita por Gabrielle Union, a comédia queer deve se voltar para o público adolescente e ter Billy Porter na função de diretor.

De acordo com a Variety, a sinopse aponta como protagonistas três jovens amigos que fogem de sua cidade natal para ir à Parada LGBTQIA+ de Nova York, onde descobrem “a vida além do arco-íris”, descrita como “uma loucura atrevida, muitas vezes divisiva, mas com festas ininterruptamente ferozes”.

Porter, que recebeu indicações ao Emmy nos últimos três anos por seu trabalho em “Pose“, dedica-se neste momento no longa “What If?” (“E Se?”, em tradução literal para o português).

Além disso, o ator poderá ser visto nas telas como a Fada Madrinha do novo live action de Cinderella, que estreia em setembro.

Por enquanto, “To Be Real” ainda não tem data de estreia definida.

Comentários

Topo