Menu Papel POP
Série chega ao Disney+ em 2022 (Reprodução / Divulgação)

Série “She-Hulk” terá quebra da quarta parede, diz site

WandaVision” abriu os caminhos televisivos do Universo Cinematográfico da Marvel no Disney+. Apesar de ainda estar na terceira série, pode-se dizer que existe um traço de experimentações nestes projetos. Parte de um robusto calendário composto por produções focadas em sagas, super-heróis e vilões, “She-Hulk” ganhou novas informações nesta terça-feira (06). O programa de dez episódios também terá seu toque especial.

De acordo com o site The Direct, a produção focada na vida de Jennifer Walters terá um interessante elemento narrativo em sua linguagem: a quebra da quarta parede. Isso acontece quando o personagem tem consciência da mídia em que se encontra e pode se comunicar com o expectador. No caso, a advogada terá ciência de que pertence ao MCU e está em uma série de TV/streaming.

O recurso visto e explorado de diferentes formas em projetos como “Fleabag“, “Community“, “Deadpool” e em certo episódio de “WandaVision” não é, necessariamente, uma novidade para a personagem. Nos quadrinhos da Gigante Esmeralda, a técnica é utilizada com frequência.

Protagonizada por Tatiana Maslany, “She-Hulk” é descrita como uma comédia dramática de tribunal com elementos de ação. A trama inspirada nos quadrinhos da Marvel segue a personagem-título, que tem poderes semelhantes aos de seu primo, Bruce Banner (Mark Ruffalo).

Tim Roth também faz parte do elenco e deve reprisar seu papel como Emil Blonsky, também conhecido como Abominável, enquanto Ginger Gonzaga fará o papel de melhor amiga de Walters.

Kat Coiro e Anu Valia serão os diretores da série. O projeto está sendo gravado atualmente e deve chegar ao streaming em algum momento de 2022.

 

Comentários

Topo