Menu Papel POP

Relembre o sucesso de “Um Lugar Silencioso” em 2018 enquanto a sequência não chega

Finalmente chegou! A gente quase conseguiu apreciar em esse lançamento tão esperado, mas “Um Lugar Silencioso – Parte II” já tem data pra estrear nos cinemas: 22 de julho. Logo, é preciso ficar de olho em tudo o que sai sobre este novo capítulo dessa história de invasão. Estrelada por Emily Blunt, Millicent Simmonds e Noah Jupe, a continuação será ambientada assim como a primeira parte em um mundo invadido por extraterrestres. Para sobreviver, vale a mesma regra: os humanos remanescentes precisam se manter em silêncio absoluto.

Até agora, pelo que pudemos ver por meio das imagens liberadas, a protagonista e seus dois filhos devem enfrentar desafios ainda mais intensos. Os dilemas pra se manterem sãos e salvos fazem a gente lembrar daquela canção: “é preciso estar atento e forte”. O que sobrou da Terra faz com que Evelyn Ebott acredite mais do que nunca na ideia de que há pessoas lá fora que valem a pena serem salvas. Será que ela vai conseguir?

Agora, vem cá: você se lembra em detalhes do sucesso feito pelo primeiro longa, dirigido por John Krasinski? Desde o dia 26 de abril de 2018, quando a Paramount anunciou que o mesmo ganharia uma sequência, nós não paramos de pensar nos feitos conquistados por esse que é um dos melhores filmes de terror da história recente. Pra te ajudar a recapitular (e enaltecer cada conquista, porque essa história merece!) nós preparamos uma matéria especial que relembra as principais. Se liga:

Aclamação pela crítica

Um fato importantíssimo pra começarmos a falar sobre este filme: “Um Lugar Silencioso” tem roteiro de Bryan Woods, Scott Beck e do próprio diretor John Krasinski – uma junção que se veria perfeita e que fez com que o longa recebesse uma série de elogios por parte da crítica especializada. Vamos começar relembrando o comentário feito pelo jornal britânico The Guardian, que lhe rendeu CINCO estrelas em uma crítica publicada em 5 de abril de 2018, logo após sua estreia aplaudida no festival SXSW.

O responsável pelo texto, Peter Bradshaw, encerra seus comentários levantando questionamentos que fazem a gente pensar em algo importante: um bom filme de terror não deixa pontas soltas, mas é capaz de te deixar um tanto quanto perturbado!

“‘Um Lugar Silencioso’ permite que você se agarre a um pensamento estranho: será possível viver a vida de forma plena, segura e normal nesta situação, se você de alguma forma se treinar mentalmente ou evoluir ao longo de algumas gerações, para ficar sem som? Pode ser um modo de existência natural e viável? Você poderia internalizar o medo e permanecer em silêncio para evitar os predadores da maneira que você pode mudar seus hábitos naturalmente em alguns locais para evitar ursos ou cobras?”.

Outra gigante da comunicação que se rendeu ao drama de Evelyn foi a The Hollywood Reporter. Para a revista, a não-previsibilidade do filme foi o que tornou sua narrativa tão singular.

“As maneiras que Krasinski e seus colaboradores encontram para aumentar a tensão às vezes são tão surpreendentes que provocam risadas chocadas, mas apreciadoras do momento. A parte final é um passeio emocionante, cujos sustos implacáveis ​​das cenas de ação fazem as pausas certas para dar aquele ‘efeito emocional'”.

Resultado de imagem para gif a quiet place

O The New York Times, por sua vez, fez uma análise positiva em que elogiou a ambientação da trama, que parece complementar o estado de ânsia e tensão das personagens:

“Krasinski impõe restrições rigorosas ao elenco e à equipe que produzem benefícios inesperadamente sensuais. A paisagem ao redor da fazenda é uma sinfonia de vento, cachoeira e folhas farfalhantes; o design de produção dentro dela é acolhedor e íntimo, repleto de evidências das estratégias complexas da família para minimizar os riscos. E as sequências de ação, encenadas com uma tensão constante em ambientes tão diversos quanto um silo de grãos e uma banheira, são nervosamente potentes.”

Sabe quem ainda aclamou ao filme? O mestre do terror, Stephen King! Simplesmente o autor de “It – A Coisa”, “O Iluminado” e “Carrie”! Em seu Twitter, à época do lançamento, ele o definiu como algo “extraordinário”:

“Um Lugar Silencioso é um trabalho extraordinário. Atuação incrível, mas o principal é o SILÊNCIO, e como a câmera realiza planos abertos de forma que poucos filmes conseguiram.”

No Rotten Tomatoes, importante plataforma agregadora de críticas, o filme bateu a casa dos 95% de aprovação. Ou seja… não é pra qualquer um!

Sucesso na bilheteria

Com esta excelente recepção, nada mais justo do que “Um Lugar Silencioso” ter figurado no topo dos filmes mais lucrativos daquele ano. Com uma estreia bastante discreta tanto no Brasil, quanto nos Estados Unidos, seu sucesso em termos de lucro superou todas as expectativas possíveis e no fim acabou arrecadando US$ 50 milhões apenas na América do Norte, ficando apenas atrás de “Pantera Negra”.

Os números são ótimos, visto que seu orçamento foi de US$ 17 milhões (montante que não chega à metade do retorno que recebeu) e as previsões de revistas como a Variety, uma das mais respeitadas, davam conta de algo em torno dos US$ 16 e US$ 30 milhões.

No fim das contas, o trabalho de John Krasinski deixou a todos de queixo caído e conseguiu levantar, em todo o mundo, uma quantia de aproximadamente US$ 340,7 milhões. Na cotação atual do dólar, esse valor seria representado mais ou menos em R$ 1,477 bilhão. Um arraso!

Prêmios

Agora nós entramos naquela parte em que o reconhecimento material fala ainda mais alto. Pra coroar de vez seu êxito, “Um Lugar Silencioso” arrasou na temporada anual de premiações em 2019. Apesar de não ter levado pra casa alguns dos principais prêmios aos quais foi indicado, o filme ficou entre os favoritos ao Globo de Ouro na categoria Melhor Trilha Sonora Original e ao Oscar de Melhor Mixagem de Som (esta última, uma categoria técnica importante!).

No Producers Guild of America e no BAFTA 2019 ele também fez bonito. Concorreu a Melhor Filme e Melhor Som, respectivamente. Uma pena que a vitória só tenha vindo no Screen Actors Guild Award, prêmio do Sindicato dos Atores. Emily Blunt foi quem brilhou ao receber o troféu de Melhor Atriz Coadjuvante.

Resultado de imagem para gif a quiet place

Por aqui estamos na maior expectativa para essa sequência, que tem tudo pra ser tão legal e assustadora quanto foi sua estreia. “Um Lugar Silencioso – Parte II”, nunca é tarde pra lembrar, chega aos cinemas no próximo dia 22 de julho. A pré-venda de ingressos será iniciada no dia 15!

Comentários

Topo