Menu Papel POP
(Foto: Nadja Kouchi)

Raul Misturada abre trabalhos de disco novo com sensível videoclipe; assista “Frágil Beleza”

MAIS SOBRE:

Viver 2021 é não saber mais onde se situam começos e finais. O cantor e compositor pernambucano Raul Misturada, no entanto, busca encontrar respostas para esses deslizes e tropeços na faixa “Frágil Beleza”, lançada nesta sexta-feira (21).

Na letra, que emprega um rico jogo de palavras, o artista se apoia na doçura dos aprendizes sentimentais para recontar caminhos tortuosos. Trata-se de uma rápida e embriagante mirada ao passado para entender que hoje, desprendendo-se do que faz mal, julgamentos e mágoas não devem ter vez.

Composta em parceria com Dulce Quental, a canção foi gravada no Porto, em Portugal, e faz parte de um álbum-filme dirigido pela cineasta portuguesa Mariana Vasconcelos. O roteiro é da antropóloga e bailarina Sofia Ó. “Frágil Beleza” também abre alas para um novo disco, intitulado “Tudo Começa Quando Explode” e já finalizado. A obra chega ao streaming em 2 de julho.

No clipe, metáforas sobre amor e tempo estreladas por uma combinação improvável.

“A Sofia propôs para ‘Frágil Beleza’ alguém se relacionando com uma pedra”, diz o cantor. “Ele ama aquela pedra, mas na verdade ela é apenas a objetificação de seu desejo de posse. Ao mesmo tempo, a pedra, qualquer pedra, é mais velha que qualquer um de nós, já viu mais do que qualquer um de nós. Entendermos a pedra como uma mera coisa, sem vida, quando ela está aqui há mais tempo que nós e continuará aqui quando não estivermos mais”.

Ouça mais do artista no streaming.

Comentários

Topo