Menu Papel POP
Música é a 1ª amostra de novo álbum de Sonza (Reprodução)

Luísa Sonza, Anitta e Pabllo Vittar invadem o mundo dos games no clipe fabuloso de “Modo Turbo”

SAIU! Na noite desta segunda-feira (21), finalmente foi lançada a tão aguardada parceria de Luísa Sonza, Anitta e Pabllo Vittar, “Modo Turbo”. A colaboração das três chegou às plataformas de streaming acompanhada de um videoclipe.

Desde as primeiras prévias da produção, o público viu que o registro visual dirigido pelo duo Alaska teria uma pegada de mundo dos videogames. Nas cenas, as cantoras se transformaram em personagens de um jogo.

Cada uma delas trouxe um superpoder. Sonza, a Player 1, veio com “super força”; Vittar, a Player 2, chegou com “poder de multiplicação”; já Anitta, a Player 3, trouxe a “quicada atômica” dela. Amamos!

No vídeo, as referências vão desde aquelas maravilhosas máquinas de dança, programas da TV japonesa, um pouco de “Power Rangers”, animes, mangás e videogames dos anos 90. Prepare-se para uma explosão de cores e efeitos especiais!

Olha só o encontro:

Pouco tempo antes do lançamento, as cantoras convidaram a imprensa para uma coletiva virtual. Elas falaram sobre o clima de descontração dos bastidores e até revelaram que a faixa era originalmente de Luísa. Anitta acabou ouvindo a música e sugeriu uma colaboração entre elas e Vittar. Formou!

O Papelpop esteve por lá e questionou as divas: “Qual momento vocês precisaram ativar o “modo turbo” para enfrentar um “chefão” da vida real? Um dia veremos vocês como personagens de um jogo tipo Fortnite, talvez?”.

Luísa: Ai, vários! Sei lá, um monte de momentos em que a gente precisa disso, né?

Anitta: Tenho conhecido o meu “modo turbo” mais a fundo recentemente…Quem assistiu minha série viu, né? Meu “modo turbo” já apareceu pra quebrar preconceitos, coisas que fazem conosco por sermos mulheres. E sobre as roupas em algum jogo, é só pedir pra gente! Se algum game quiser, a gente vende as skins e arrasa.

Pabllo: Tive que ativar o meu “modo turbo” pra lutar contra preconceitos, quebrar rótulos, desfazer estigmas. Acho que todo dia precisamos ativar o “modo turbo”, né?

E aí, curtiu “Modo Turbo”?

Comentários

Topo