Menu Papel POP
Why Don't We no clipe de "Fallin'" (Reprodução)

Entrevista: Why Don’t We fala ao Papelpop sobre nova era, hiato e amor pelo Brasil

MAIS SOBRE:

Boybands nunca saem de moda. A banda Why Don’t We, ou WDW para os íntimos, é formada por Daniel Seavey, Zach Herron, Corbyn Besson, Jonah Marais e Jack Avery e teve início em 2016, mas a jornada musical dos meninos já existia antes disso, porque todos haviam tentado carreira solo.

O destino dos integrantes se cruzou através de eventos combinados pelas redes sociais (as famosas “cons”) e a ideia de formar juntos uma banda foi algo natural a partir do gosto musical em comum de todos eles – uma mistura de referências que vai de Justin Timberlake, Justin Bieber a The Chainsmokers.

Lado a lado, o grupo bombou com faixas como “These Girls” e “8 Letters”, mas, se tem uma que pode chamar atenção, é “Come To Brazil”. Jonah e Zach não deixaram de comentar sobre essa faixa que, mesmo já não sendo lá uma grande novidade, deixa as fãs brasileiras eufóricas.

Agora, se o assunto é novidade… Conversamos com Zach e Jonah, 2 dos 5 integrantes pra falar de “Fallin'”, single que marca uma nova era que abraça o rock e apresenta letras mais maduras. A faixa, aliás, também tem uma batida bem conhecida pra quem já é familiarizado com “Black Skinhead”, do Kanye West…

Vem ler!

PAPELPOP: Em primeiro lugar, parabéns pelo novo single “Fallin”! Vamos falar um pouco sobre ele, porque com o lançamento vocês inauguram uma nova era, certo? Como foi o processo de mudança do visual e do som da banda?

Jonah: Foi incrível! Eu sinto que somos os mais genuínos que já fomos como uma banda e é muito bom estar em uma nova era … Temos escrito tudo, assim como o Dan (Seavey) tem produzido tudo! Sinceramente, parece que tudo está como deveria ser!

Zach: Estamos fazendo o tipo de música que sempre quisemos fazer! Quando saímos do nosso hiato, era exatamente isso que pretendíamos, então é bom estar realmente fazendo isso.

E o novo single “Fallin ‘” mostra que vocês estavam se divertindo enquanto o faziam, o que é sempre bom de se sentir ao ouvir uma música. Eu tenho que dizer que, nos primeiros segundos, eu estava tipo “Espere um minuto, eu conheço essa batida”, então eu tenho que perguntar como foi o processo de ter na música de vocês o que soa como a batida “Black Skinhead” do Kanye West?

Jonah: Quando estávamos escrevendo “Fallin ‘”, Joshua, que estava mixando, teve a ideia de colocar essa batida e ele estava nos garantindo, tipo “Confie em mim, isso vai funcionar” e outras coisas … Então ele tocou “Black Skinhead” e, tipo, em nossos sonhos mais loucos, adoraríamos ter o sample de verdade, sabe? Mas, de qualquer jeito, apresentamos nossa música a nossa gravadora, aí eles a enviaram para a equipe do Kanye e ela foi aprovada! Então é realmente louco que eles tenham validado isso para nós! Faz a gente se sentir bem demais!

Zach: É um sentimento muito bom!

E, como vocês disseram, rolou uma pausa no começo do ano para focarem em um novo álbum. Como foi fazer uma pausa depois de sair em turnê sem parar por alguns anos? Podemos esperar que o disco seja lançado em breve?

Zach: Foi incrível. Fizemos uma pausa para ficarmos mais com as nossas famílias também. Foi um tempo de folga muito necessário, porque estivemos trabalhando duro sem parar nos últimos três anos. Sempre soubemos que queríamos fazer uma pausa para escrever, produzir e lançar logo o nosso material… Mas então aconteceu o COVID e …

Jonah: Isso levou todos os nossos planos mais longe!

Zach: Nós realmente só queríamos que o álbum fosse lançado o mais rápido possível, mas as coisas não funcionam assim… Então, pelo menos, conseguimos liberar “Fallin'” no meio desta confusão toda!

Sei que vocês já falaram muito sobre isso, mas… “Come To Brazil”. Vocês provavelmente sabem disso, mas “por favor, venha para o Brasil” é uma piada interna brasileira. Gostaria de saber como surgiu a ideia de escrever essa música e se podemos esperar vocês aqui assim que essa loucura de uma pandemia acabar.

Jonah: Honestamente? A ideia dessa música começou exatamente pelo fato de que recebemos milhares de mensagens e comentários no Instagram dizendo “Venha para o Brasil”! Então estávamos pensando no conceito de uma música e aí veio a ideia de escrever sobre uma garota brasileira e pensamos que poderíamos também chamá-la de “Come To Brazil”! Mas ainda não fomos ao Brasil, então tipo… Ugh! Temos de ir!

Zach: Essa música é na verdade sobre você…

Ah, para com isso [risos]. Mas é bom ter uma música escrita para as fãs brasileiras, porque vocês sabem que aqui no Brasil levamos isso tudo muito a sério, né?! 

Jonah: Você realmente não estão pra brincadeira! [risos]!

Se pudessem descrever a Why Don’t We em 5 palavras…

Jonah: Puts… [risos]!

Zach: Acho que podemos descrever como honesta…

Jonah: Cativante! Eu acho que você também poderia dizer… animada.

Zach: Sexy e emocionante!

***

Comentários

Topo