Menu Papel POP
Cena do clipe de "Fardas e Fadas" (Divulgação)

Celo Dut canta sobre racismo e violência em “Fardas e Fadas”, com clipe dirigido por Baco Exu do Blues

Já conhece o Celo Dut? Está na hora! Nesta quinta-feira (14), ele lançou o poderoso single “Fardas e Fadas”, que fala sobre racismo estrutural e violência contra o povo negro. Para acompanhar, também temos clipe dirigido por ninguém mais, ninguém menos que Baco Exu do Blues.

Na letra, Dut lamenta de maneira poética a guerra lutada todos os dias por quem sofre o racismo, que tira a vida até de crianças com a violência policial: “No morro piscinas, vermelhas/ Crianças voltam inteiras, às vezes/ Brincam de esconde-esconde com balas/ Como pai, o que fazer? Tenho medo de enlouquecer/ Caixões pequenos pesam toneladas”.

Vamos dar uma olhada no clipe?

Em comunicado enviado à imprensa, o cantor e compositor fala sobre a temática da canção:

“Na verdade densa é a realidade que essa música retrata. Realidade onde uma raça inteira ainda é vista como não humana, mesmo sendo crucial na formação do mundo. Sabe aqueles dias em que se sente ferido por uma guerra diária que você trava desarmado contra um gigante chamado racismo estrutural? Se você é preto, eu não preciso explicar mais nada.”

Com o clipe, Baco estreia na carreira de diretor e diz que tem intenção de partir para o mundo audiovisual também em séries e filmes. Celo Dut é uma das apostas do selo musical de Exu do Blues, intitulado 999.

Curtiu? Então, vai de stream na sua plataforma favorita:

Spotify | Deezer | Apple Music

Comentários

Topo