Menu Papel POP

Saudades do cinema? 5 motivos para ver “1917” e trazer a sensação da telona para a sua casa

“1917” foi um dos líderes de indicações do Oscar 2020, levando a estatueta nas categorias Melhor Fotografia, Melhores Efeitos Especiais e Melhor Mixagem de Som. Trazendo o drama da Primeira Guerra Mundial, o filme é um grande exemplo que faz o cinema levar o título de Sétima Arte, unindo fotografia, drama e uma experiência imersiva para os espectadores. Não tem como assistir sem se envolver.

Lançado em janeiro deste ano, “1917” agora pode ser assistido por todos em casa. O filme chegou ao serviço de streaming do Telecine neste mês e resolvemos listar aqui os motivos para essa ser a sua escolha para o final de semana! Se você ainda não conhece a plataforma, temos ainda um bônus: novos assinantes não pagam o primeiro mês! São trinta dias para assistir centenas de filmes gratuitamente!

Agora, vamos lá contar tudo o que amamos nesse filme. Foi uma lista bem fácil, viu? Porque é beeeem f#[email protected] mesmo.

Plano-sequência numa guerra? Sim!

“1917” foi filmado para nos dar a impressão de que estamos dentro do filme, uma experiência imersiva sem cortes, como se estivéssemos acompanhando tudo em tempo real. Traduzindo isso para um cenário de guerra, imagina o quão dinâmico, surpreendente e chocante isso pode ser. Cria muito uma tensão de não saber o que esperar desde o começo do filme e é inacreditável ver a riqueza de ambientes e acontecimento que o filme entrega numa proposta tão ousada de contar uma narrativa que acontece sem intervalos de tempos.

Fotografia impecável

Sabe quando o filme tem aquelas cenas tão visualmente atraentes que a gente pensa “Isso daria um quadro”? “1917” é inteiro assim. Tem jogo de cores adequados para o clima das cenas, posicionamentos de câmera que valorizam momentos grandiosos sempre que acontecem, até os personagens são posicionados geometricamente para causar uma sensação em quem está vendo. Como dissemos lá em cima, é uma experiência imersiva. Então tudo é pensado para você se sentir como um soldado ali dentro.

Grandes atuações e alguns dos nossos favoritos do momento

George MacKay (“Capitão Fantástico”) e Dean-Charles Chapman (o Tommen de “Game of Thrones”) são dois nomes britânicos que se revelaram excelentes no filme. Apesar de ser sobre guerra e ter muitas cenas de ação, o drama é presente em “1917” e eles entregam ótimas cenas para colocar humanidade na história. Além disso, sabem quem está no elenco? Richard Madden (também de “Game of Thrones”), Benedict Cumberbatch (o Doutor Estranho) e o nosso atual padre favorito da TV: Andrew Scott.

Mostra o horror da guerra de forma nunca antes vista

“1917” é sobre a Primeiro Guerra Mundial e foi muito elogiado pela crítica por trazer nos mínimos detalhes os impactos destrutivos dos conflitos. Desde pilhas de corpos espalhados em todos os cantos, cenários completamente destruídos, aquele clima desértico pós-guerra em que você não vê mais nada ao seu redor e até pequenas histórias contadas apenas pela breve atuação de personagens figurantes. Você sente como a guerra afetou todo mundo que está em cena, e olha… é muita gente.

Tensão embalada por uma ótima trilha

Como se não bastasse o filme ser visualmente chocante e envolvente, “1917” pega a gente de jeito pela trilha sonora, fazendo jus ao Oscar de Mixagem de Som. Thomas Newman, que já levou 14 Oscars (!!) para casa, foi o responsável pela trilha, que dosa perfeitamente bem o drama, a tensão e excitação ao longo do filme. Mas muito além disso, o filme também acerta quando escolhe não ter trilha alguma. Os momentos de silêncio nos deixam completamente tensos e a ausência de músicas faz a gente ouvir bem nitidamente uma bala estourando de uma arma, uma explosão aqui e lá… é bem impressionante.

Convencidos? Nós achamos que sim! Durante a pandemia, estamos morrendo de saudades de ir ao cinema e “1917” traz uma experiência muito bem adaptada para resgatar em casa aqueles arrepios de ver um filme numa tela gigante. O filme já está disponível no Telecine e, lembrando, os 30 primeiros dias são gratuitos!

*Conteúdo oferecido por Telecine

Comentários

Topo