Menu Papel POP

Fiona Apple doará 2 anos de lucros obtidos com novas faixas para a caridade

Fiona Apple se comprometeu nesta segunda-feira (15) a destinar os lucros obtidos com duas de suas faixas mais recentes para a caridade (via Pitchfork). As escolhidas são “Shameika” e “Heavy Baloon”, ambas integrantes do disco “Fetch The Bolt Cutters”, lançado em abril deste ano.

As doações de royalties serão feitas ao longo de um prazo fixo de 2 anos e vão para a Harlem Children’s Zone e o Seeding Sovereignt. A primeira cuida de crianças em situação de vulnerabilidade, enquanto a outra é um coletivo indígena liderado por mulheres e que tem como objetivo desconstruir questões ligadas ao colonialismo na sociedade americana.

A fim de apoiar a atitude da artista, a Apple também anunciou que doará US$ 50 mil para cada organização se as canções não forem inseridas na trilha sonora de anúncios publicitários e produções cinematográficas como filmes e séries.

“Fetch The Bolt Cutters”, primeiro álbum de Fiona Apple em 8 anos, já é de longe um dos trabalhos musicais mais elogiados do ano. Na plataforma Metacritic, que reúne resenhas publicadas em todo o mundo, o disco chegou a ostentar nota máxima nas primeiras 24h após o lançamento. O resultado, àquela altura, foi baseado em 141 críticas de importantes revistas de todo o mundo.

A Pitchfork, uma das mais criteriosas publicações do gênero, entregou a Fiona a primeira nota 10,0 da década. A última foi atribuída ao disco “My Beautiful Dark Twisted Fantasy”, de Kanye West, lançado em 2010. No texto, a autora destaca a na singularidade do trabalho desenvolvido em casa ao lado de bichos e velhos colaboradores.

“O quinto disco de Fiona Apple é ilimitado, uma sinfonia do cotidiano, uma obra-prima inflexível. Nenhuma música jamais soou como essa.”

 

Comentários

Topo