Menu Papel POP

30 coisas que você não sabia sobre o filme “Lua de Cristal”, que completa 30 anos

MAIS SOBRE:

Lua de Cristal estreou em 1990 e foi o filme mais assistido do ano: foram mais de 4 milhões de fãs da rainha dos baixinhos nos cinemas. Foi o terceiro longa de Xuxa assumindo a função de protagonista e o mais bem-sucedido entre suas 14 produções cinematográficas. Em Lua de Cristal ela é Maria da Graça (que é seu nome verdadeiro), uma garota do interior que vai para o Rio de Janeiro com o sonho de ser cantora.

Mas ela precisa morar com sua tia Zuleika, que é malvada, além de dois primos, Lidinha e Mauricinho, que são piores ainda e a fazem de empregada. Seus únicos amigos são a pequena Duda e o atrapalhado Bob, um entregador de comida que vira seu príncipe encantado. 

A fim de comemorar os 30 anos de Lua de Cristal, o Papelpop relembra 30 curiosidades sobre esse clássico.

1. Sérgio Mallandro foi convidado pela própria Xuxa para o filme, que prometeu não só o papel de co-protagonista, como também destaque no pôster. Eles já eram amigos e Mallandro fazia sucesso apresentando o programa nonsense Oradukapeta no SBT. 

2. Depois do filme, Sérgio foi contratado pela Globo, empresariado por Marlene Mattos (empresária da Xuxa) e ganhou um programa exibido antes do Xou da Xuxa.  As manhãs eram inteiras deles! 

3. Xuxa produziu dois filmes protagonizados por Mallandro: Sonho de Verão (1990), com Mallandro e as Paquitas, e Inspetor Faustão e o Mallandro (1991). 

4. Para destacar ainda mais a personagem de Xuxa, Tizuka Yamasaki, a diretora do filme, chamou atrizes gabaritadas para serem as antagonistas de Maria da Graça: Marilu Bueno como Tia Zuleika e Julia Lemmertz como a prima malvada Lidinha. “Quanto pior fossem os vilões, melhor seria a Xuxa”, diz a diretora.  

5. Marilu Bueno, que viveu a maldosa Tia Zuleika, interpretou, seis anos depois de Lua de Cristal, a fada Margarida, que era ranzinza, porém do bem, na novelinha Caça Talentos, protagonizada pela Angélica. 

6. O primo Mauricinho foi interpretado por Avellar Love, que fazia sucesso nos anos 80 com a banda João Pena e seus Miquinho Amestrados. Eles apareciam sempre no Xou da Xuxa

7. Três integrantes do elenco já são falecidos: Rubens Correia, que interpretou Uirapuru, o professor de canto, morreu em 1996 aos 64 anos. Cláudio Mamberti, que viveu Seu Bartô, o dono da lanchonete onde Maria da Graça e Bob trabalham, faleceu em 2001, pouco antes de completar 61 anos, e Leina Krespi, a Cotinha, mãe de Maria da Graça, faleceu em 2009, aos 70 anos. 

8. Duda Little era repórter do Xou da Xuxa e foi figurante em Super Xuxa Contra o Baixo Astral junto de Adressa Koetz, que em Lua de Cristal faz a Xuxa criança.

9. Adressa também foi a pequena Xuxa em Princesa Xuxa e os Trapalhões, e a jovem Vera Fisher em Laços de Família.

10. Por conta da semelhança com Xuxa, o apelido de Adressa era Xuxinha. 

11. Duda foi a primeira das várias crianças que co-estrelaram os filmes da Xuxa. Isabelle Drummond (Xuxa Popstar, em 2000), Deby Lagranha (Xuxa e os Duendes, em 2001), Bruna Marquezine e Marina Ruy Barbosa (Xuxa e a Cidade Perdida, de 2004) e até a Sasha (Xuxa em O Mustério da Feiurinha, de 2009) foram algumas das outras. 

12. A cena favorita de Duda Little é quando sua personagem faz o Big Babalu. Os ingredientes que ela coloca no sanduíche são: pão, presunto, maionese, catchup, mostarda, couve, rodelas de tomate, rodelas de laranja, fatias de melancia, cerejas, alface, e pelo menos três outras coisas misteriosas. 

13. Porém, por um erro de continuidade (bem evidente), o sanduíche que Duda tenta morder na cena já é outro, com pão com gergelim e uvas em um palito. 

14. O homem que experimenta o Big Babalu (chamado de Super Saliva por Xuxa), é interpretado por Michael Sullivan, compositor da música tema do filme. Seu personagem gosta tanto do sanduiche que sugere que Maria da Graça ganhe cinco salários. 

15. A cena que Mallandro mais gosta vem pouco depois, quando a lanchonete é destruída em uma guerra de comida.

16. Duda Little descobriu que estava grávida no dia seguinte a uma exibição especial de Lua de Cristal, na comemoração dos 25 anos do filme, em 2015. Hoje ela é mãe da pequena Ana Laura, de 4 aninhos.   

17. Foi a estreia nos cinemas das Paquitas da Segunda Geração, que eram Letícia Spiller, Juliana Baroni, Tatiana Maranhão, Cátia Paganote, Priscilla Couto, Roberta Cipriani, Ana Paula Almeida e Bianca Rinaldi, que tinha acabado de entrar no grupo e só aparece na cena final. Apesar de estarem em várias cenas (aulas de canto, lanchonete e nos sonhos de Maria da Graça), elas tem uma participação bem secundária, com um pouco mais de destaque para Cátia Paganote. 

18. O filme teria uma vibe mais fantasiosa, mas a diretora Tizuka Yamasaki queria um longa emocionante verdadeiro, tirando Xuxa do pedestal de rainha intocável. “Achavam que a Xuxa era um midas, tocava e virava ouro, e o filme mostra o contrário, que ela lutou para chegar lá. Essa verdade foi o que fez do filme um sucesso,” disse a diretora em entrevista para a QUEM. 

19. A atriz Patrícya Travassos (de Minha Mãe é uma Peça 2 e 3) trabalhou no roteiro de Lua de Cristal. Ela também escreveu um outro filme da Xuxa, Xuxa Gêmeas, de 2006. 

20. O filme se chamaria Xuxa e a Turma Invencível, mas o título mudou porque Xuxa e o produtor Diler Trindade amaram a música composta por Michael Sullivan e Paulo Massadas. A dupla levou quatro horas para escrever a canção Lua de Cristal

21. Eles são os compositores de outros sucessos da Xuxa como Arco-Íris, Parabéns da Xuxa, Brincar de índio e Boas Notícias, e de várias das músicas das paquitas, inclusive Eu Não Largo o Osso, tema da Tv Colosso. 

22. A música Lua de Cristal está no álbum Xuxa 5, que vendeu mais de um milhão de cópias. O filme tem canções cantadas pelas Paquitas e por Sérgio Mallandro, mas a trilha sonora nunca foi lançada em disco. 

23. Quando Lua de Cristal foi produzido, não era comum registrar o making of dos filmes.  Por isso, há um documentário em desenvolvimento (https://www.instagram.com/luadecristaldoc), que é uma produção independente de três fãs do filme, que deve ficar pronto no segundo semestre. 

24. O filme foi lançado em VHS em 1990. A fita em bom estado vale hoje mais de R$100. O DVD foi lançado no início dos anos 2000 e é uma edição super rara. Em 2017 a Bretz Filmes relançou o DVD em um box com Lua de Cristal e Super Xuxa contra Baixo Astral

25. Xuxa namorava com Ayrton Senna na época da produção do filme, e ele chegou a visita-la no set de filmagem. 

26. O prédio onde Tia Zuleika mora no filme é um condomínio de luxo no Flamengo, bairro do Rio de Janeiro, com 14 andares, vista privilegiada para o mar e área de lazer no morro da Viúva, que fica atrás da construção. Cercado de verde, o prédio tem um longo recuo da rua até a portaria, com chafariz e espaços que foram usados em diversas cenas do filme. 

27. Alguns dos apartamentos tem mais de 400 m2. Um com seis quartos está à venda por 3,7 milhões de reais – a tia malvada era a síndica e morava na cobertura, imagine! Porém as cenas dentro do apartamento foram gravadas em outro prédio. 

28. Ainda em 1990 o governo Collor extinguiu a Embrafilme, órgão que fomentava o cinema nacional, e as produções nacionais sofreram um apagão que durou quase toda a década de 90. Xuxa, que vinha fazendo um filme por ano, ficou nove anos sem lançar nada. 

29. Tizuka e Xuxa voltaram a trabalhar juntas em Xuxa Requebra, de 1999. Porém o longa não é o favorito da diretora.  “Teve outro tom, que não me agrada muito. Era mais para vender as músicas do que contar a história, não me motivou”, diz. Em Requebra, Xuxa tenta salvar uma escola de dança em meio a números musicais de artistas populares na época, como Terra Samba e Fat Family. 

30. Entre 1999 e 2009, Xuxa lançou 11 filmes, quase todos campeões de bilheteria, porém o marco de Lua de Cristal se tornou imbatível na carreira da loira. 

 

***

Colaborou para o Papelpop Diego Bargas.

Comentários

Topo