Menu Papel POP

Madonna faz doação de US$ 1 milhão para fundo de combate ao coronavírus

MAIS SOBRE:

A União Europeia coordenou uma campanha global de arrecadação de fundos para o desenvolvimento de uma vacina e remédios contra o novo coronavírus. A iniciativa conseguiu bater em três horas a meta estipulada para o final de maio.

No total, foram arrecadados € 7,4 bilhões (quantia que equivale a cerca de R$ 44,6 bilhões). A meta era chegar a € 7,5 bilhões. As doações, feitas pela internet, tiveram entre seus contribuintes a rainha Madonna, que no último minuto fez a doação de US$ 1 milhão.

A informação foi dada na noite desta segunda-feira (4) em um pronunciamento de rede nacional pela chefe da União Europeia, Ursula von der Leyen. Em uma postagem feita em sua conta no Twitter, ela se mostrou otimista e agradeceu a todos aos contribuintes.

“Mais uma vez obrigado a todos que contribuíram por esse sucesso! Nosso próximo marco será trabalhar com a sociedade civil e a comunidade global de cidadãos. Esta será uma luta longa, mas hoje podemos realmente dizer: o mundo está unido contra o coronavírus (…) Precisamos de todos nisso. Acabo de receber uma mensagem da Madonna, que anunciou uma contribuição de US$ 1 milhão para o fundo de combate. Isso mostra que a resposta também deve incluir a comunidade civil e a comunidade global de cidadãos. “

Leyen, que é médica e mestre em saúde pública, foi a responsável por coordenar a campanha que visa acelerar a disponibilidade de vacinas e insumos para todos os países do mundo. O objetivo é evitar que apenas uma empresa ou um único governo se apodere de futuras descobertas.

Chefes de estado das 20 maiores economias do mundo e diretores de organizações também estiveram entre os principais contribuintes da #UnitedAgainstCoronavirus. Líderes como Donald Trump, presidente dos Estados Unidos, não contribuíram.

Comentários

Topo