Menu Papel POP

Carne Doce se inspira em conto de Lygia Fagundes Telles e lança clipe perturbador

MAIS SOBRE:

A leitura de obras literárias por tabela, muitas vezes uma chata obrigação dos vestibulares, nem sempre é algo que provoca prazer na adolescência. Salma Jô, vocalista da Carne Doce, também passou por esse processo.

Hoje, anos depois de se formar em direito e decidir se jogar em um projeto musical, ela se viu revisitando um conto específico de Lygia Fagundes Telles.

“A Caçada”, presente no livro “Pomba Enamorada ou uma história de amor” (1999), foi o mote para a criação de um poema de mesmo nome. Sob a batuta de Macloys Aquino (guitarra), Aderson Maia (baixo), Frederico Valle (bateria), de João Victor Santana (guitarra e produção), a faixa chegou às plataformas nesta sexta-feira (22).

Esta é mais uma amostra do quarto disco, ainda em fase de produção. A letra pode ser encarada como um reflexo da ânsia que toma conta dos longos e similares dias de isolamento social. Interessante também é observar como a sonoridade da banda se mantém fiel a uma proposta original, ao mesmo tempo em que se permite caminhar por locais sonoros ainda não explorados.

O clipe, lançado nesta tarde, mergulha fundo em uma estética conceitual. É perturbador.

“A Caçada” também está disponível no streaming e faz parte do quarto álbum de estúdio da banda, ainda sem título e previsão de estreia. Outras 3 faixas já foram liberadas e você pode conferi-las no perfil oficial da banda nas plataformas.

Comentários

Topo