Menu Papel POP

Jason Isaacs, o Lúcio Malfoy de “Harry Potter”, conta o que pode ter acontecido com o personagem

A saga “Harry Potter” acabou há alguns anos, mas muitas questões ficaram soltas para alguns fãs e até para alguns atores do elenco. Em entrevista à Syfy, Jason Isaacs, que interpretou um dos personagens mais odiados da trama, Lúcio Malfoy, revelou o que acha que pode ter acontecido com o bruxo.

“Eu acho que ele foi completamente destruído em Azkaban, tanto por ter ido para a prisão quanto por seu sonho de ser a mão direita de Voldemort, celebrado por ter mantido a chama acesa por tanto tempo. [Essa noção] se partiu rapidamente quando Voldemort voltou”

Para ele, Malfoy já estava desgostoso da vida de Comensal da Morte há mais tempo do que imaginávamos. Isaacs relembrou da aparência do personagem na parte dois do filme “Harry Potter e as Relíquias Morte” e da humilhação que Lord Voldemort o fez passar em sua própria casa.

“Na tela, você vê que ele está sempre com os olhos vermelhos e bebendo. Sempre achei que ele bebia demais. E aí, na batalha de Hogwarts, fica claro para ele, quando Narcissa e Draco fogem, que não existe mais lugar para ele em qualquer futuro. Voldemort não precisa mais dele ao seu lado. Ele já havia tomad0 a minha varinha na mesa na mansão dos Malfoy, o que é uma humilhação pública, quase uma castração”

Jason disse também que ser o líder dos Comensais da Morte não foi o suficiente para o personagem encontrar paz depois que Voldemort começou a cair, ressaltando que Draco “poderia voltar para uma vida quase normal, mas Lúcio não teria a mesma sorte”.

“Os Comensais da Morte perderem, não havia nada de bom esperando por ele. É por isso que a última cena dele é ele simplesmente na porta [de Hogwarts] com sua esposa e filho desaparecendo à distância e Voldemort desaparecendo em Hogwarts. [Lúcio está] pensando: ‘Que diabos eu faço?’. O dinheiro dele o protegia porque o dinheiro sempre protege as pessoas, e acho que ele teria perdido – se alguma vez tivesse – o respeito de sua esposa e seu filho. A sociedade o evitaria e ele se esconderia em sua mansão e se afundaria em uma sepultura precoce. E, francamente, mereça!”

Pesado, né? Tanto os livros quanto os filmes não mencionam o que acontece com os Malfoy depois dos acontecimentos da batalha final em Hogwarts.

A série de filmes e livros de “Harry Potter” foi um sucesso e perdura no coração de muita gente até hoje. No cinema, a saga estreou em 2001 e teve o seu fim em 2011. Somados, os oito longas renderam à Warner Bros. Pictures quase R$ 11 bilhões.

Comentários

Topo