Menu Papel POP

Rico Dalasam e produtores entram em acordo sobre direitos autorais de “Todo Dia”, da Pabllo Vittar

Boas novas para os fãs de Pabllo Vittar! O rapper Rico Dalasam e os produtores Rodrigo Gorky e Arthur Gomes entraram em um acordo sobre os direitos autorais da faixa “Todo Dia” e a mesma, responsável por fazer Pabllo estourar em todo o Brasil, deve retornar ao stream em breve.

A informação foi publicada no blog da jornalista Mônica Bergamo na Folha de São Paulo nesta quarta-feira (11). Segundo o que foi informado, a partir de agora Rico, Gorky e Gomes receberão direitos proporcionais e correspondentes às funções de autores e intérpretes da canção.

Um dos maiores hits da carreira da artista, “Todo Dia” chegou ao streaming como parte do disco “Vai Passar Mal”, o primeiro trabalho da drag em estúdio. Entretanto, após uma batalha judicial travada naquele mesmo ano, a canção, coroada hino do Carnaval de 2017, precisou ser retirada das plataformas.

À época, Rico, que canta na faixa e aparece no vídeo, queixou-se em entrevista ao site Noisey, da revista Vice, por não receber como co-intérprete da canção. A defesa de Pabllo e do DJ Gorky, em resposta ao processo, alegou que o artista aceitou abrir mão dos seus direitos de co-intérprete em troca de 100% dos créditos da autoria. Porém, Rico disse não concordar.

“Não estou tentando mudar o acordo. A música é minha desde 2016. A música estava pronta e eu a levei para o Gorky. Nós gravamos, passou um tempão e eu encontrei o Gorky no Prêmio Multishow de Música de 2016. Lá, ele pediu para eu assinar uma autorização para a minha participação no disco da Pabllo. Bom, a música foi para a rua e, como tudo que a gente lança, só depois de um tempo vai ver quanto rendeu. Cheguei lá no ONErpm e vi que não tinha nada discriminado pra mim. A minha presença no fonograma era zero e, com isso, zero das vendas seriam destinadas pra mim”.

Gorky, por sua vez, afirmou que conseguia provar sua coautoria no material e que o rapper teve chances para analisar o acordo antes que fosse oficializado. Agora, com os ânimos mais calmos e as novas cláusulas aceitas, a gente espera que tudo fique bem e esse hino possa voltar a ser performado! Que a paz mundial seja selada para sempre! <3

Comentários

Topo