Menu Papel POP

Reese Witherspoon fala sobre sua paixão por literatura e direitos iguais para a Vanity Fair

A revista norte-americana Vanity Fair liberou neste terça-feira (17) um ensaio com ninguém mais, ninguém menos que Reese Witherspoon. A atriz que brilhou em “Big Little Lies” e “The Morning Show“, prepara-se para chamar atenção mais uma vez em “Little Fires Everywhere”, série do Hulu.

Além de seu trabalho como atriz e produtora, Reese também tem um clube do livro, que dá atenção a novos escritores:

“É bom destacar autores que não têm um histórico de vender muitos livros. Observar o que acontece com eles é extraordinário e realmente emocionante para nós”

Sobre as produções em que trabalha, Witherspoon comentou que vê certa mudança interna. Ela ainda ressaltou que a maioria das equipes são formadas por homens em todos os âmbitos. Ela relembrou também de, às vezes, ser a única mulher em meio a centenas de homens.

“Lembro-me de estar em fotos em que eu era a única mulher no set e tinha uns 150 homens”

Olha só a capa da edição:

Ela também disse que desde de pequena tinha a vontade de contar histórias, seja como escritora, atriz ou até cantora. Contudo, ela admitiu que tem certos problemas para finalizar as narrativas que cria e por isso admira o trabalho de escritores:

“Desde os sete anos, eu sempre soube que queria ser contadora de histórias, ator ou cantora. Ou uma escritora. Eu sempre quis ser escritora. Acho que é por isso que tenho admiração pelos escritores, porque tentei me sentar e fazer [isso]. Eu tenho idéias para histórias o tempo todo. Eu nunca conseguia descobrir como as coisas terminavam. Eu sempre tenho idéias sobre como as coisas começam, mas nunca sei como elas terminam”

A atriz ainda comentou sobre certas coisas que conseguiu influenciar, como o pagamento de salários iguais em projetos da HBO para atores e atrizes que tivessem papéis de mesmo destaque em uma produção. Isso acabou ajudando em carreiras de pessoas que ela nem conhecia:

“Uma atriz veio até mim em uma festa e disse: ‘Você sabe o que fez?’ Eu não fazia ideia do que ela estava falando. No dia seguinte ao término do pagamento da HBO, eles ligaram para o agente dela para refazer o contrato. Ela foi então paga duas vezes mais do que tinha sido”

Ela também falou sobre amizades de atrizes, como Laura Dern com quem contracenou no seriado “Big Little Lies”. Ela disse ter encontrado uma irmã em Dern:

“Sabe, você conhece pessoas, é amiga delas, mas eu digo sobre algumas mulheres na minha vida, elas são minhas irmãs. Eu não tenho irmã e encontrei minha irmã em Laura. Ninguém me faz rir como Laura. Ela é mágica”

Ah, a revista pediu para Laura comentar a declaração e olha que fofa a resposta:

“Reese é um milagre. Ela é o padrão-ouro do que significa ser campeã. Ela sempre foi uma defensora da arte e de outros artistas, além de amigos e familiares. Mas descobrir como ela nunca vai parar até que outras mulheres sejam honradas por suas vozes e suas habilidades, não apenas com um assento à mesa, mas pagando e pagando bem por isso, é uma maravilha rara. Por causa dela, muitas outras mulheres em posições de poder seguiram o exemplo. Como filho único, encontrar família sempre foi muito importante para mim. E que eu a encontro nas duas áreas da minha vida – pessoal e profissional – é uma bênção ultrajante. ”

<3

Aproveitando, confira o trailer de “Little Fires Everywhere”, série estrelada por Reese e Kerry Washington:

Comentários

Topo