Menu Papel POP

Ligação polêmica de 2016 entre Kanye West e Taylor Swift vaza completa na internet

MAIS SOBRE:

Recapitulando: Lá em 2016, Kanye West lançou o álbum “The Life of Pablo”, que gerou uma baita polêmica por conta da letra de “Famous”, na qual ele cita Taylor Swift.

“Eu acho que eu e a Taylor ainda poderíamos transar. Eu fiz aquela vadia famosa”

Assim que essa frase atingiu a internet, causou um furor. Todo o esquadrão da artista correu para o Twitter e criticou Kanye. Selena Gomez, Jamie King, Gigi Hadid, Ruby Rose, entre outros, defenderam a cantora na época, pois ela não havia aprovado essa letra.

Só que, depois de algum tempo, Kim Kardashian, socialite e esposa do rapper, publicou uma sequência de vídeos que mostra Kanye ao telefone com Swift contando para a artista os versos da música em que ele a provoca.

No vídeo exibido pela Kardashian no Snapchat, Kanye aparece cantando o trecho da música em que fala que Taylor Swift e ele deveriam fazer sexo, dizendo que seria legal ter isso na música. Taylor responde: “Eu sei, é meio que um elogio”.

“O louco nesse trecho é que ele é bem irônico de qualquer forma. E eu realmente fico grata por você ter me avisado, isso é muito legal”, diz Taylor.

Agora, em 2020, o vídeo da ligação completa foi vazado na internet neste sábado (21), e nele podemos ver que o dono de “Yeezus” não contou a letra inteira da faixa para a cantora.

No vídeo, Kanye não expõe a frase “Eu fiz aquela vadia famosa”, apenas diz que ela o “deve sexo” e que eles “ainda poderiam transar”. Taylor parece desconfortável em alguns momentos, comenta que irá pensar a respeito da letra e depois o informar se está de acordo com isso.

“A letra não parece maldosa (…), mas preciso pensar sobre”, reflete. Também diz que não se sentiria confortável se ele a chamasse de “vadia”, e como a mídia já estava esperando ela cometer algum erro para criticá-la ainda mais. Veja os vídeos aqui:

“Eu não quero fazer rap que faz as pessoas se sentirem mal”, revela Kanye ao dizer que não quer ser visto como um bully. “É isso o que você faz, mas não diria que é bullying”, responde a dona de “Lover”.

O trecho publicado no Snapchat de Kim foi, então, editado, dando a entender que Taylor mentiu quando disse que não sabia da letra completa. Desta forma, com as provas de que a compositora realmente não sabia, seus fãs estão chamando a empresária e o rapper de mentirosos e manipuladores com a hashtag #Kanye West Is Over Party (Kanye West está cancelado), que já está nos Trending Topics do Twitter.

Após essa ligação e Taylor ser cancelada em 2016, ela lançou o álbum “Reputation”, que traz seu lado mais “dark” e vingativo. Na época, muitas pessoas a chamavam de cobra. Felizmente, ela conseguiu dar a volta por cima e hoje está na era do “Lover” e com seu documentário “Miss Americana” na Netflix.

Kanye nem Kim se pronunciaram ainda.

Comentários

Topo