Menu Papel POP

Todas as músicas que grudaram na nossa cabeça em 2019

Eita, que 2019 foi um ano frenético! A Billboard Hot 100 desse ano foi disputadíssima, assim como o topo Spotify 50 Brasil… Muitas músicas entraram na nossa cabeça pra não sair mais e, claro, até meteram aquele medo de “se eu ouvir demais, vou enjoar?”.

Pensando em fazer uma retrospectiva de hits gringos e brasileiros que ficaram por dias a fio soando em nossas mentes, decidimos reunir tudo o que saiu de mais chiclete ao longo dos últimos 12 meses. De “Señorita”, de Camila Cabello e Shawn Mendes, a Baby Shark. A gente aposta que até o final do post você vai se pegar cantarolando, hein?! Se liga!

Caneta Azul – Manoel Gomes

Se você circula na web, deve ter visto e ouvido em algum canto o hit brasileiro “Caneta azul”. O sucesso foi tanto que até o DJ Alok fez um remix da canção. Mas ó, não foi só ele: Wesley Safadão, Pablo do Arocha, Tirulipa e Simaria também já apareceram divulgando o refrão lendário “Caneta azul, azul caneta”.

Quem diria que uma música sobre uma caneta perdida iria conquistar tanta gente. Manoel, o artista maranhense de 49 anos e autor da famigerada canção, garante que irá se dedicar à carreira de músico e que tem mais de 21 mil músicas escritas. Ele, atualmente, está trabalhando em um disco de 15 faixas.

Evoluiu – Kevin O Chris

“Evoluiu” foi um dos grandes hits de Kevin O Chris. Quem não ficou cantarolando a frase “Eu sou o Riooo” em algum momento do ano, né? Também deixamos aqui nossa menção honrosa a “Ela É Do Tipo”, que também foi um dos grandes funks de 2019 e que rendeu um remix do Drake, um dos rappers mais famosos do mundo.

Amor de Que – Pabllo Vittar

“Amor De Que” é nossa música favorita do EP “111” e, também, a mais viciante. Pabllo reflete sobre seu desejo de se manter livre, alheia a qualquer tipo de relacionamento sério. O que importa, pra ela, é viver, curtir e sair por aí sem se prender. Em clima de celebração a gente faz o quê? Taca stream na lenda. Vem!

Bad Guy – Billie Eilish

“Bad Guy” é o quinto single de seu álbum de estreia, “When We All Fall Asleep, Where Do We Go?”, e ficou em 1º lugar em mais de sete países e em 1º lugar na Billboard Hot 100, tirando até “Old Town Road” de seu posto.

Billie certamente não esperava por isto. “O engraçado é que eu imaginava que essa música iria flopar”, revelou à época. Bom, se ela não pensou mesmo que seus fãs iriam gostar, veio a surpresa: acabou sendo sua música mais aclamada do disco. Ter um hit tão grandioso aos 17 anos? É pra poucos!

Old Town Road – Lil Nas X feat. Billy Ray Cyrus [Remix]

Quem diria que a música “34 Ghosts IV”, do Nine Inch Nails, se popularizaria por meio de um sample? “Old Town Road” foi lançada de forma independente em 03 de dezembro de 2018 e nos meses seguintes se transformou em um hino do TikTok. Em em 05 de abril de 2019, rapidamente já consolidada como hit, ganhou um remix com Billy Ray Cyrus.

Lil Nas X cresceu praticamente da noite pro dia, é um fato. Antes de acontecer o remix, a faixa abriu o debate sobre o gênero country, uma vez que ela chegou em 19º lugar na Billboard Hot Country Songs até que foi tirada por não se “enquadrar no gênero” o suficiente.

O remix com o pai de Miley Cyrus, ícone do country, entrou para seu EP “7” que contra com outro hit de Nas, “Panini” – que usa um outro sample foda: “In Bloom”, do Nirvana.

Don’t Call Me Angel – Ariana Grande, Miley Cyrus, Lana Del Rey

Um dos grandes feats da música pop da década aconteceu em “Don’t Call Me Angel”. Quem esperava Ariana Grande, Miley Cyrus AND Lana Del Rey numa mesma faixa?

As vozes das três anjas se misturaram e formaram uma parceria harmoniosa – pelo menos na medida do possível. Há quem diga que as vozes não combinaram juntas… Mas o que vale é a intenção e que essa música NÃO SAIU da nossa cabeça!

A faixa faz parte do reboot de “As Panteras” e foi lançada antes do álbum da trilha sonora completa do filme.

Onda Diferente – Anitta, Ludmilla, Snoop Dogg feat. Papatinho

Anitta e Ludmilla lançaram uma das músicas mais chicletes do ano e não há dúvida disso! “Onda Diferente” deu tanto o que falar que até provocou o rompimento da amizade entre as duas cantoras (quando houve a insinuação de que Anitta teria ficado com parte da autoria da faixa sendo que não a havia escrito…).

Mas, tretas à parte, a música é muito boa e a gente adora se jogar na piscina ouvindo esse som. O verão chegou… vamos nessa?

Combatchy – Anitta, Lexa, Luisa Sonza feat. Mc Rebecca

Mais uma da Anitta na lista!

Lançada no fim de novembro de 2019, “Combatchy” é um hit cheio de empoderamento feminino. É quase como a “Lady Marmalade” brasileira e do pop/funk. O clipe é cheio de “fight de bumbum” e a o refrão… gruda COM FORÇA na sua mente!

Terremoto – Anitta & Kevinho

A música é muito boa, vamos combinar, mas o clipe tá sensacional! Dirigido por Kondzilla, o vídeo é todo inspirado nos anos 2000 e é uma homenagem ao clipe de “I’m Still In Love With You“, do Sean Paul e Sasha, lançado em 2002.

Não saiu do repeat!

Señorita – Shawn Mendes, Camila Cabello

Ay, muchachos… Shawn Mendes e Camila Cabello são mesmo um casalzão da porra! “Señorita” abocanhou o primeiro lugar da Billboard Hot 100 e se tornou a música com mais streams no Spotify em 2019, com 1 bilhão de reproduções ao todo!

É viciante, é dançante e com leves toques latinos. Perfeita pra suscitar aquela vontade de viver um amor de novela! Hahahaha

Truth Hurts – Lizzo

I JUST TOOK A DNA TEST, TURNS OUT I’M 100% THAT BITCH!

Lizzo, 2019 foi inteiramente seu! “Truth Hurts”, apesar de ter sido lançada lá em 2017, só ficou famosa agora e reinou por mais de sete semanas consecutivas no topo da Hot 100.

Nesta composição a artista esbanja amor próprio e energias boas. O clipe então? Nem se fala! A gente só espera que novos hits dessa deusa grudem na nossa cabeça porque é aquele ditado: our body is yours, Lizzo!

Dance Monkey – Tones and I

Dance for me, dance for me, oh ooh oooh

Mesmo se você não conhece o nome da artista, você definitivamente já ouviu essa música tocando em algum canto. Só para se ter uma ideia a faixa atingiu a marca de 7,4 milhões de streams globais logo em sua semana de lançamento.

No mês de agosto deste ano ela foi contratada pela Sony Music já lançou seu primeiro álbum de estúdio. O projeto, intitulado “The Kids Are Coming”, inclui os dois hits da cantora e mais outras quatro músicas. Tones, vem pro Brasil!

Baby Shark – Pinkfong

FOFURA! Lembra do PSY e de seu “Gangnam Style”, hit em 2012? Há mais um fenômeno mundial da Coreia do Sul entre nós: “Baby Shark”. A faixa se tornou mais popular por um vídeo produzido pela Pinkfong, uma marca de brinquedos e produtos educativos da startup SmartStudy.

O vídeo de “Baby Shark” (em coreano: 상어 가족; RR: Sang-e Gajok; família lit. shark) estreou em 26 de novembro de 2015. Mas, de alguma forma, só foi viralizar em janeiro de 2019, tornando-se o vídeo educacional mais visto de todos os tempos.

A faixa é na verdade composta por Shawnee Lamb e Robin Davies lá na década de 1990, mas sofreu algumas modificações até ser lançada pela Pinkfong. Mesmo quase não tendo letra, a composição abocanhou a 32ª posição da Billboard Hot 100. A gente ama!

Mother’s Daugher  / On A Roll – Miley Cyrus

Ah, 2019 foi também dela! Miley Cyrus lançou seu EP “She Is Coming” e participou da quinta temporada de “Black Mirror”, em episódio que, aliás, interpretou uma cantora. “Mother’s Daughter”, hit deste novo capítulo da carreira, nos viciou muito e ganhou um clipe icônico. Depois ela ainda lançou “Slide Away” que foi outra faixa viciante. Miley, nunca te critiquei!

Até a música de seu episódio de “Black Mirror” viciou, gente!

 

Con Altura –  Rosalía, J Balvin feat. El Guincho

Em 24 horas nas plataformas de streaming, a música recebeu 201.000 transmissões Spotify Espanha. O clipe de “Con Altura” se tornou, em julho de 2019, o vídeo mais visto de uma artista feminina no Youtube! É o poder castelhano!

A música é o primeiro single do próximo álbum de Rosalía. Imagine o hinário que está por vir?

YoYo – IZA feat Gloria Groove

“Telephone” da Gaga feat. Beyoncé versão BR? Foi a gente que pediu, sim! “YoYo” não saiu da nossa cabeça, nem a música e esse clipe icônico.

Nele, as duas são criminosas que fogem da cadeia e hackeiam o sistema televisivo para agitar a família tradicional brasileira com sua arte e dança! Tem até algumas cenas que remetem a própria Gaga e seus looks extravagantes. Icônico!

Brisa  – IZA

Iza arrasou neste ano com “Brisa”, embalada no afrobeat e reggae. Também lançou “Evapora”, ao lado de Ciara e Major Lazer, mas dedicamos aqui à primeira música, pois ela foi o maior hit!

7 Rings  – Ariana Grande

“Thank U, Next”, o quinto álbum de estúdio de Ariana, foi lançado em fevereiro de 2019. Além da faixa-título, o projeto conta com outras faixas viciantes, como “7 Rings”, que alcançou o 1º lugar na Billboard Hot 100. Nada que um sample de “My Favorite Things” de “A Noviça Rebelde” não faça, né?

ME! – Taylor Swift ft. Brendon Urie / You Need to Calm Down

Hey, kids! Spelling is fun!

“ME!” foi o primeiro single do sétimo álbum de estúdio da cantora, o romântico “Lover”. A faixa é bem chiclete e divertida. É um dos grandes sucessos de 2019 da cantora.

“You Need To Calm Down” também grudou na nossa cabeça. Taylor, você nunca errou!

Don’t Start Now – Dua Lipa

Depois do grande sucesso de “New Rules”, Dua Lipa tem uma sucessora: “Don’t Start Now”. A faixa é simplesmente cativante e viciante. É aquelas pra dar uma elevada na autoestima, sabe?!

É o primeiro single do segundo álbum de estúdio de Dua Lipa, “Future Nostalgia”, que chega em algum ponto de 2020.

Coisa Boa / Sedanapo – Gloria Groove

Gloria Groove começou 2019 com tudo com “Coisa Boa”. Depois, a drag lançou seu EP “ALEGORIA” mais pro final do ano e contou com outro hit: “Sedanapo”.

Mas vamos combinar, qual música dela que não vicia, né?! Daria pra pôr todas!

Motivation – Normani

“Motivation”, definitivamente, inovou a carreira solo de Normani. Ela, que foi comparada com Beyoncé na época de “Check It Out” pela Pitchfork, nos mostrou que tudo que faz é bem feito. Que música melhor para nos motivar do que essa, né?!

AmarELO – Emicida part. Majur e Pabllo Vittar

É resiliência que fala! “Ano passado eu morri, mas esse ano eu não morro”, frase que ficou famosa na faixa “Sujeito de Sorte”, do ícone Belchior, agora fez sucesso nos vocais de Emicida, Majur e Pabllo Vittar na “AmarElo”.

Além de sua letra política, a faixa consegue trazer um lado esperançoso com pop contemporâneo, que aquece nosso coração.

Verdinha – Ludmilla

Na faixa, a funkeira canta sobre plantar maconha e fumar uns, além de mostrar uma mulher independente, que trabalha e sustenta sua família. A batida é cativante e fecha maravilhosamente bem o ano de Lud!

Já viram o clipe? Lud comanda uma plantação de alface (cof cof maconha) e arrasa nos looks.

Lose You To Love Me – Selena Gomez

Essa música marcou o comeback de Selena em 2019 e, por mais que seja calminha e não um pop super dançante, o refrão é bem contagiante. Selena também arrasou com o clipe gravado em iPhone 11, vale deixar registrado.

Em apenas algumas ouvidas, a gente já tinha a letra todinha decorada, e vocês?!

Dancing With a Stranger – Sam Smith feat. Normani

De acordo com a Forbes, “Dancing With A Stranger” foi a música mais tocada nas rádios em 2019 e, sem dúvidas, uma das que mais cantarolamos ao decorrer do ano. É uma música dançante de superação, e não há nada melhor que isso, não?

A gente tá amando Sam Smith no pop!

Crazy – Madonna

Madame X trouxe um lado completamente diferente da Madonna, porque foi a partir do disco de mesmo nome, elogiado pela imprensa internacional por ser ousado ao mergulhar na cultura portuguesa, que ela decidiu explorar novas habilidades como… CANTAR EM PORTUGUÊS! Embora não tenha sido single, “Crazy” (um fado pop) fez todo mundo, até os gringos, cantarem o refrão em pt-br. “Você me põe tão louca/Você pensa que eu sou louca? And I won’t let you drive me cra-a-a-a-zy/ Você non vai me pô tao loca!”. Já imaginou a madonna cantando isso? Pois então… faixa 8! Uma fofa ❤

Chega – Duda Beat, Mateus Carrilho e Jaloo

“Chega” é um dos hinos nacionais de 2019, sem dúvidas. Em sua letra, os artistas deixam claro que estão a fim de um envolvimento. Eles não querem saber se vai dar certo ou errado, o que eles querem é se jogar de cabeça até porque já estão tomados pela paixão.

O clipe, que é repleto de cores, tem uma estética que lembra bastante à colagens e aos anos 1980. Só que a beleza do clipe não se resume a isso, os figurinos dos artistas também são incríveis por serem bem performáticos, bem David Bowie.

É uma das melhores colaborações do ano, não pode faltar na sua playlist ;)

Earfquake – Tyler The Creator

Tyler tem música chiclete sim! “Earfquake” é a prova. O refrão é super gostoso e a música é uma declaração de amor àquelx crush que faz nosso mundo tremer. A música, que faz parte do aclamado “IGOR”, até entrou em 13º lugar na Billboard Hot 100.

Are U Gonna Tell Her? – Tove Lo e Mc Zaac

MC Zaac fez um grande feat. este ano com a sueca Tove Lo para o álbum “Sunshine Kitty”. A faixa se chama “Are U Gonna Tell Her?” e mistura os batidão do funk com elementos do pop. Não podia faltar aqui!

Quando Tove passou pelo Brasil em novembro, ela arranjou um tempinho para ensaiar a coreografia da música, que ganhará um videoclipe em breve, confirmado pelo próprio Zaac.

Sucker – Jonas Brothers

“Sucker”, lançada em março, marcou o primeiro single do grupo após seis anos de hiato e chegou a ficar em primeiro lugar na Billboard Hot 100! O clipe traz todas as esposas de Nick, Joe e Kevin e é super divertido de assistir.

 

E aí, quais são as músicas que mais grudaram na sua cabeça em 2019?

Comentários

Topo