Menu Papel POP

Selena Gomez diz que foi vítima de abuso emocional enquanto namorava Justin Bieber

O relacionamento de Selena Gomez e Justin Bieber terminou já há um bom tempo, mas não sem antes deixar marcas e aprendizados. Em entrevista à rádio NPR (via TMZ) na tarde desta segunda-feira (27), a artista voltou a afirmar que a inspiração por trás das letras de seu novo álbum, “Rare”, veio em grande parte de suas relações passadas.

Quando questionada pela repórter Lulu Garcia-Navarro sobre o primeiro single do projeto, “Lose You To Love Me”, Selena decidiu falar sobre seu processo criativo, diretamente ligado a experiências ruins:

“Sou muito grata por esta faixa. Ela tem um significado diferente pra mim agora, diferente do que foi quando a compus. Eu senti que não tive um término respeitoso e eu tive que aceitar isso, mas eu sei que eu precisava de alguma forma dizer as coisas que queria ter dito. Não é uma canção cheia de ódio, é algo que diz ‘Eu tinha algo bonito e não posso negar que não foi isso’. Foi difícil e estou feliz que tenha acabado. Estou em outro capítulo”.

Após não ter citado nenhum nome, ela voltou a ser questionada se a faixa teria sido composta para Justin Bieber.

“Está em outro capítulo após dar adeus a Justin Bieber, posso presumir que você fala dele, certo?”

“Se você tem que colocar nome nisso, eu coloco”.

Foi então que Navarro quis saber se aquele poderia ser considerado o período mais difícil de sua vida. Após negar e explicar seus motivos, a cantora disse ter sofrido uma série de abusos emocionais por parte do ex-namorado – o que a motivou a amadurecer enquanto mulher.

“Não [foi o mais difícil], porque eu encontrei força nisso. É perigoso permanecer com a mentalidade de uma vítima. E não estou sendo desrespeitosa, eu sinto que fui vítima de certos abusos. Abusos emocionais, e acho que é algo que tive que entender como uma mulher adulta. Tive que entender as escolhas que estava fazendo. Por mais que definitivamente não queira passar o resto da minha vida falando sobre isso, estou orgulhosa de dizer que me sinto mais forte do que já me senti em qualquer fase e que encontrei uma maneira de atravessar [o problema] com a maior quantidade de graça possível”.

“Rare”, o novo álbum de Selena Gomez, tem sido elogiado pela crítica de modo geral, além de ser considerado seu trabalho mais maduro até o momento. Ouça:

Comentários

Topo