Menu Papel POP

Laura Dern conta que sua mãe, Diane Ladd, não queria que ela fosse atriz

Laura Dern queria atuar desde os sete anos de idade e, por conta da profissão de seus pais, o ator Bruce Dern e a atriz Diane Ladd, poderíamos pensar que eles a incentivaram a seguir a carreira. Porém, de acordo com a própria Laura durante uma entrevista à Variety, durante o quadro “Actors On Actors”, esse não foi o caso.

A atriz contou que sua mãe a desencorajou muito por conta das situações problemáticas que ela poderia vir passar na carreira:

“Eles não queriam que eu atuasse. Minha mãe até me desencorajou. Quero dizer, acho que porque, como mulher na indústria cinematográfica, ela estava preocupada comigo, especialmente quando criança – falando sobre me sentir confortável comigo mesma – com todos os desafios, inseguranças e momentos vulneráveis ​​que uma jovem poderia passar. Ela estava aterrorizada por mim e protetora como uma leoa, o que foi ótimo ao ser criada assim. E acho que meu pai supôs que encontraria outra coisa interessante”

A diva foi destaque durante o seriado “Big Little Lies“, onde ela interpretava a icônica Renata Klein, que caiu nas graças do público. Agora, ela está participando de outra grande produção, o filme “História de um Casamento”, estrelado pela própria Dern ao lado de Scarlett Johansson e Adam Driver.

Confira o trailer:

“História de um Casamento” estreia no dia 6 de dezembro na Netflix.

Comentários

Topo