Menu Papel POP

Projota fala ao Papelpop sobre sonhos, educação e show no RiR

MAIS SOBRE:

O rapper Projota tem uma carreira de mais de dez anos consolidada na cena nacional, acumulando hits solo e colaborações, como com Anitta e, mais recentemente, com o Vitão. Com quem vai dividir uma experiência nova na carreira: o palco do Rock In Rio neste sábado (05). O repertório do show deve incluir todos os grandes sucessos, como “Ela Só Quer Paz” e “Cobertor”, que ganhou uma versão remix especial para o festival com o próprio Vitão e Giulia Be:

A setlist deve incluir também as canções do trabalho mais recente do artista, chamado “Tributo Aos Sonhadores I”, lançado em abril deste ano. “É um trabalho que fala do passado e de hoje. Minhas músicas são sempre bem pessoais, seja as românticas ou as de superação. Busco na minha vivência a informação necessária pra mexer com as pessoas, pra elas acreditarem no amor e na esperança. Esse projeto é um presente pros meus fãs, que são os maiores sonhadores que conheço. O fato de eu ser um sonhador é o que me trouxe até aqui. Já avisei pra gravadora que vai vir a parte 2”, conta Projota.

O cantor releva que, apesar de ver com muito carinho o ato de rodar o país fazendo shows e encontrando os fãs, sua parte preferida é estar no estúdio e compor. “É onde tudo começa. Nasci compositor e virei cantor no caminho. Desde a escola, escrevia umas redações que deixavam a professora doida. A cada música que escrevo, choro pra caramba e agradeço a Deus.”

A conversa logo entra mais profundamente no papel dos educadores e da educação em si no País, tendo como base a faixa “Sr. Presidente”, lançada por ele em 2018: “Nosso país está doente há muito tempo. E não está menos doente por agora, não. A gente vive um momento conturbado e a gente não vai parar de falar até melhorar. A música ‘Sr. Presidente’ é também pros deputados e outros políticos, porque é inadmissível que a gente seja campeão em corrupção.”

Sobre os artistas que ainda o deixam inspirado e com quem ele gostaria de trabalhar, ele é direto: “Continuo querendo fazer uma música com o Seu Jorge, Maria Rita, Nando Reis… mas quero muito colaborar com a nova galera do rap também”. A gente quer muito que esses feats. venham logo também!

Comentários

Topo