Menu Papel POP

Ludmilla é vaiada, se emociona e sai vitoriosa do Prêmio Multishow 2019

Gente, que climão! Durante a entrega do Prêmio Multishow 2019, realizada nesta terça-feira (29) no Rio de Janeiro, Ludmilla protagonizou uma saia justíssima ao vencer a categoria Música Chiclete pelo hit “Onda Diferente”, uma parceria sua com Anitta, Papatinho e Snoop Dogg.

O que poderia parecer um motivo de felicidade, acabou se tornando alvo de uma situação bem desconfortável, visto que a faixa em questão teria sido fruto do rompimento da cantora com a colega Anitta, que neste ano foi uma das apresentadoras da premiação.

Assim que foi anunciado o vencedor e Lud subiu ao palco para agradecer (sem citar o nome de Anitta), o público reagiu. Entre gritos favoráveis à artista e vaias, ela encerrou sua fala com uma atitude irônica, fazendo twerk e deixando os insatisfeitos de lado.

Tomando novamente a palavra, o também apresentador Paulo Gustavo tomou partido e aproveitou a oportunidade para enaltecer o trabalho da artista, falando sobre a importância daquele momento – em que uma cantora negra, bissexual e periférica subia ao palco para ser reconhecida por seu trabalho.

“Ludmilla, deixa eu falar uma coisa pra você: eu sou seu fã, você que nasceu aqui nesse país mulher, negra, gay, da periferia, num país extremamente racista, homofóbico, chegar onde você chegou não é pra qualquer um. Sua trajetória inspira milhões de pessoas, parabéns!”

Quando retornou mais uma vez para receber o prêmio de Cantora do Ano, a artista não se aguentou e caiu no choro, discursando para os fãs e dizendo que desistir nunca deve ser uma opção:

“Desculpa a emoção, mas eu queria agradecer a Deus primeramente e esse show aqui é um choro de uma luta muito grande, muito longa, que estava preso dentro de mim. Não esperava isso nunca! Nunca deixe alguém falar o que você é. Se tem um sonho, lute como uma garota. Quero agradecer pelas vaias. Elas me fazem sempre pensar no que eu gostaria ou não que fizessem com as pessoas”.

Comentários

Topo