Menu Papel POP

Katy Perry é processada por publicar foto dela feita por paparazzi em 2016

MAIS SOBRE:

Em 2016, Katy Perry se vestiu de Hillary Clinton para uma festa de Halloween e postou uma foto dela em seu Instagram. A imagem em questão havia sido feita por um paparazzo da agência de fotos Backgrid.

Agora, exatamente três anos após o post, a agência de fotografia que detém os direitos da foto está processando Katy em US$150 mil. A empresa entrou com a ação nesta terça-feira (29). Eles alegam que a cantora violou uma lei federal ao publicar a foto.

Eles afirmaram que entraram em contato com os representantes de Perry sobre sua “violação” várias vezes de 2017 até o início deste mês e que eles não pagaram à agência para licenciar a foto. A foto ainda está na rede da cantora.

Recentemente, alguns paparazzi vem processando artistas por esta prática. Justin Bieber foi processado pelo paparazzo Robert Barbera ao também ter postado uma foto sem ter pago pelos direitos de uso. Jennifer Lopez foi processada por uma agência que exige US$ 150 mil de indenização por ela ter postado uma foto ao lado de Alex Rodriguez.

Comentários

Topo