Menu Papel POP

Após controvérsia em live, Miley Cyrus volta a falar sobre sexualidade: “Você não escolhe”

MAIS SOBRE:

Miley Cyrus causou certa controvérsia nesta segunda-feira (21) ao realizar uma transmissão ao vivo em seu Instagram. Enquanto dividia a live com seu namorado, Cody Simpson, a cantora foi falando sobre seus relacionamentos e disse algo que não pegou muito bem.

Enquanto dizia para as pessoas não desistirem do amor, porque há pessoas legais por aí, ela falou: “Não desistam. Vocês só tem que encontrá-los. Você tem que encontrar um pênis que não seja um babaca, sabe? Você não precisa ser gay, há boas pessoas com pênis por aí”.

É claro que muita gente não curtiu a fala da artista. Isso porque recentemente ela estava tendo um affair com a modelo Kaitlynn Carter. Por conta da live, alguns veículos internacionais vieram questionar o pensamento de Miley.

A revista americana OUT se posicionou das seguinte forma:

“Então Miley Cyrus está sugerindo que mulheres são gays por causa de homens maus, como se fosse uma decisão consciente que tomam… uh, homens! Não é assim que a sexualidade funciona, Miley”

A jornalista britânica Rosie Percy, que escreve para veículos como o The Guardian, também comentou a fala de Cyrus em seu Twitter:

“Mulheres ‘não precisam ser gays’ porque ‘não podem encontrar uma pessoa boa com pênis’. Não use a comunidade queer como um escape porque você não podia arrumar um namorado. As pessoas não são queer porque ‘desistiram’ de homens. Isso é muito ofensivo”

Devido aos comentários nas redes, a cantora veio ao Twitter esclarecer sua fala:

“Eu estava falando sobre caras idiotas, mas deixe-me esclarecer, VOCÊ não ESCOLHE sua sexualidade. Você nasceu assim. Tem sido minha prioridade proteger a comunidade LGBTQ. Sou parte dela. Boa segunda-feira”

Algumas pessoas sugeriram que ela estivesse falando sobre sua decepção amorosa com Liam Hemsworth, de quem se divorciou recentemente.

Comentários

Topo