Menu Papel POP

Emicida e Ibeyi estão em busca da própria liberdade no clipe dançante de “Libre”

MAIS SOBRE:

Não é de hoje que Emicida e o duo franco-cubano Ibeyi firmam parcerias musicais. Em junho de 2018 eles já haviam colaborado no single “Hacia el Amor”, que como o próprio nome diz, entrega uma mensagem que fala ao coração. Agora, em 2019, em meio a um cenário caótico que abraça forçosamente todos os cantos do mundo, esse trio está de volta pra gritar pelos direitos de viver, amar e resistir.

Juntos eles lançaram na madrugada desta quinta-feira (19) o single “Libre”, terceira amostra do disco “AmarElo”, que chega às plataformas ainda este ano. Gravada no lendário Red Bull Station, em São Paulo, a canção traz uma letra inteligente que brinca com o significado da palavra “Nós”. Em português, remete a um dos lemas de Emicida, “A rua é noiz”. Em inglês, à palavra “Barulho” (Noise).

Emicida, aliás, comentou sobre seu desejo em atingir essa profundidade poética.

“A partir da ideia de que uma palavra pode significar várias coisas, a gente pegou a capacidade aglutinadora da música e colocamos a nossa potência pra construir algo maior”.

Entre as novidades do lançamento está o fato de que Naomi Diaz, uma das integrantes do Ibeyi, canta um trecho do rap escrito pelo artista brasileiro.

O clipe, por sua vez, foi gravado na Ouvidor 63, maior ocupação da América Latina, localizada nas imediações do Vale do Anhangabaú, no Centro de São Paulo. Com direção de Fred Ouro Preto, mostra os artistas se apropriando da dança e da leveza dos movimentos a fim de construir uma narrativa pra ser sentida, lírica e visualmente.

É funk, é pop, é rap… é tudo! Assista:

“Libre” está disponível em todos os tocadores. Vem ouvir também!

Comentários

Topo