Menu Papel POP

VMA 2019 teve Normani brilhando, hits de Missy Elliott e celebração de Lizzo!

MAIS SOBRE:

Está oficialmente aberta a temporada de grandes premiações do segundo semestre! Rolou nesta segunda-feira (27) mais um Video Music Awards e, neste ano, diferente dos anteriores em que a mais importante noite da MTV amargou baixos índices de audiência e críticas dos telespectadores, o canal acertou na hora de selecionar suas atrações.

Todo o show foi marcado por mensagens políticas, dirigidas ao público tanto de forma clara e direta por meio de discursos acalorados, como em apresentações que por si só já entregavam uma representatividade sutil de espaços marginalizados. Além dos hispanohablantes, que ainda possuem pouco espaço no mercado fonográfico internacional, lembrados por Rosalía, houve também críticas a quem fica em cima do muro. Jonathan Van Ness, de “Queer Eye”, por exemplo, foi convidado ao palco para apresentar a categoria Clipe Por Uma Causa, que ficou com Taylor Swift. Em sua fala, ele ressaltou o quanto ser “isentão não é legal”.

Por falar em Taylor, ela venceu esta categoria e foi justamente a responsável pela abertura dos trabalhos da noite. Em plena divulgação do álbum “Lover” ela emendou duas de suas faixas mais importantes – a princípio, “You Need To Calm Down”, responsável por trazer ao palco em meio a um cenário multicolorido e mensagens de igualdade todas as drag queens que aparecem no clipe; na sequência veio a balada “Lover”, cantada ao violão.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Taylor Swift performs “You Need To Calm Down” and for the FIRST TIME EVER, she takes the stage with “Lover” 💕

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

Taylor também protagonizou um momento bem fofo da noite. Após ter sido anunciada como vencedora, a artista ofereceu seu lugar de fala ao co-produtor Todrick Hall, que relembrou sua infância no Texas e o preconceito sofrido desde criança. Em sua fala, ele encorajou crianças a se sentirem especiais e a nunca sabotarem sua essência.

“Cresci numa cidadezinha e a vida inteira eu quis ser a Ariel, de ‘A Pequena Sereia’, as pessoas falavam coisas que eu não podia e não alcançaria. Hoje sou grato por podermos sermos quem quisermos. Se você for criança e achar que está sendo mal compreendida, compartilhe sua verdade, sua alma, com quem você ama. A terra é um lugar lindo”.

O Shawn Mendes apareceu na sequência pra cantar uma de suas faixas mais recentes, “If I Can Have You”. Sem grandes novidades, também ao violão, o moço arrancou suspiros da plateia quando abriu aquele sorriso… Ninguém resiste a um canadian boy, né? Durante “Señorita”, quando finalmente ele e Camila Cabello subiram ao palco, todo mundo achou que ia rolar um beijão… não foi desta vez. Eles esquentaram a pista, deixaram tudo no maior clima de romance, uma vibe intimista… mas preferiram resguardar seu amor às praias da Flórida.

 

Ver essa foto no Instagram

 

WOW I’ll never be over @shawnmendes and @camila_cabello performing “Señorita” for the first time ever on the 2019 #VMAs stage!

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

Corta pra entrega do prêmio de Melhor Clipe Latino, que foi parar nas mãos de Rosalía e J Balvin, autores de “Con Altura”. Após ter agradecido e ressaltado a importância daquele momento, em que uma artista hispânica se via no palco de uma premiação americana tão importante quanto o VMA, a cantora passou a palavra ao colega que usou seus minutos de fala para enaltecer sua Colômbia natal e deixar uma mensagem que todos nós gostaríamos de ter dito em seu lugar: salvem a Amazônia.

“Tenho muito orgulho de ser latino, mando um alô pra todos vocês na Colômbia. É minha primeira vez e quero dizer que a Floresta Amazônica precisa de ajuda, ela está queimando! Precisamos da ajuda de todos pra preservá-la!”.

Os dois, infelizmente, não tocaram juntos. Ao lado de Bad Bunny, o astro cantou o hit “Que Pretendes” em um cenário cheio de alegorias infantis. Rosalía, por sua vez, veio acompanhada de Ozuna. Trazendo mais uma vez suas raízes flamencas para o palco, ela abriu seu set – que diga-se de passagem foi alucinante – ao som de “A Ningún Hombre”, faixa seguida por “Yo X Ti, Tu X Mí”, seu single mais atual. No fim? Com as câmeras girando sobre sua cabeça, rolou a finíssima “Aute Cuture”. Ficamos querendo mais!

 

Ver essa foto no Instagram

 

Rosalía and Ozuna perform “A Ningun Hombre,” “Yo X Mi,” and “Aute Cuture.” at the 2019 #VMAs.

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

Dona da noite? Tivemos várias, mas Lizzo sem dúvida foi uma das principais. Ela chegou arrasando, como sempre, em um medley de “Truth Hurts/Feeling Good As Hell”. O cenário de fundo? Uma bunda gigante, perfeita pra combinar com os passos de twerk que só ela sabe fazer! Foi visceral, poderoso e levemente divertido. Ela sempre oferece mais do que a gente pede, né?

Nessa sucessão de mulheres poderosas, vieram na sequência H.E.R. e Normani (uma das mais aguardadas da noite). Introduzidas pela lenda Lenny Kravitz, que se rendeu em elogios para ambas, as artistas deram um show de presença de palco. A primeira delas levantou a galera ao som de “Anti”, saindo de dentro de uma capa de revista. R&B raiz, do bom!

 

Ver essa foto no Instagram

 

H.E.R. performs “Anti” at the 2019 #VMAs.

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

Já “Normani” deixou todo mundo motivado! Claro, ela chegou pendurada em uma sesta de basquete e trouxe todas as referências dos anos 1990 e 2000 presentes no clipe da faixa. Sabe aquela definição de performance de diva? Ela tem mesmo! Coreografia, carão, fôlego e carisma. No fim de tudo ainda encerrou com um break impecável junto do boy, jogando-se no chão. Um dos pontos altos!

 

Ver essa foto no Instagram

 

Normani performs “Motivation” at the 2019 #VMAs.

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

Os Jonas Brothers, combinando no couro e no jeans, e transformaram a premiação em uma grande praia. Pura nostalgia, afinal de contas, eles não se apresentavam no rolê há 11 anos. Para a setlist, duas de suas faixas mais recentes, “Sucker” e “Only Human”.

 

Ver essa foto no Instagram

 

We will never be over watching them perform at the 2019 #VMAs with @toyotausa.

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

Lil Nas X, por sua vez, fez sua estreia no palco do VMA contradizendo todas as expectativas. Introduzido por Billy Ray Cyrus, o muso de “Old Town Road” escolheu para a ocasião o single “Panini”. Numa vibe bem futurista, ele arrasou ao som do single e construindo ao seu redor toda a cidade tecnológica em que a narrativa se passa. Em certo ponto, gradativamente o cantor começou a brilhar no escuro com várias luzes saltando de sua roupa. Icônico!

 

Ver essa foto no Instagram

 

@lilnasx performs “Panini” at the 2019 #VMAs.

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

“O disco dela foi o primeiro que comprei na vida. Ninguém merece mais do que ela, ela mudou a forma de fazer música com seu estilo, seu humor, seu estilo. Todas a copiaram, inclusive eu!”. Este foi o discurso da Cardi B, que subiu ao palco pra entregar o prêmio Vanguard Award, o mais importante da noite, a ninguém menos que  Missy Elliott. Uma das maiores artistas contemporâneas que temos hoje, ela se mostrou visivelmente emocionada com a honraria.

Lembrou-se da mãe, do amor de sua vida, de Janet Jackson, a quem se mostrou profundamente grata, e de nomes do rap como Timbaland, Busta Rhymes e Aaliyah. Rainha humilde, mas que não economizou energia na hora de se apresentar. Gente, foi um medley impressionante, carregado de hits – que incluem a propósito suas canções mais recentes, lançadas neste fim de semana. “Get Ur Freak On”, “Work It”, “The Rain”, “Lose Control”… estiveram todas lá!

 

Ver essa foto no Instagram

 

We’ll be watching it forever thanks to @Pepsi!

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

Quem promoveu um dos momentos mais belos da noite foi Miley Cyrus. Ao som de “Slide Away”, single lançado após o término de seu casamento com Liam Hemsworth, a cantora apareceu cercada por uma orquestra de mulheres. Com um efeito preto e branco na tela e seus cabelos molhados, Miley simplesmente cantou, hipnotizando quem a assistia e mostrando um lado seu que por incrível que pareça pode ser, sim, vulnerável.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Miley performs “Slide Away” for the first time ever at the 2019 #VMAs.

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

Et voilà! O gran finale ficou sob a responsabilidade de uma galera vinda lá de Nova Jersey, mesma localidade em que teve espaço a edição deste VMA. À frente de um super tributo ao rap estavam nomes como Redman, Fetty Wap, Naughty By Nature, Wyclef Jean e ela… Queen Latifah, que chegou toda motorizada! Foram mais de 7 minutos frenéticos que botaram todo mundo pra dançar ao som de canções que marcaram época e mostraram que o rap foi, é e seguirá sendo um dos gêneros mais fortes da música. É história a perder de vista!

 

Ver essa foto no Instagram

 

@queenlatifah, @redmangilla, @fettywap1738, @naughtybynature4ever and @wyclefjean close the 2019 #VMAs with this AMAZING performance.

Uma publicação compartilhada por Video Music Awards (@vmas) em

 

Confira a lista completa de vencedores:

Video Vanguard
WINNER: Missy Elliott

Video of the Year
WINNER: Taylor Swift: “You Need to Calm Down”
21 Savage: “a lot” [ft. J. Cole]
Billie Eilish: “bad guy”
Ariana Grande: thank u, next”
Jonas Brothers: “Sucker”
Lil Nas X: “Old Town Road (Remix)” [ft. Billy Ray Cyrus]

Artist of the Year
WINNER: Ariana Grande
Cardi B
Billie Eilish
Halsey
Jonas Brothers
Shawn Mendes

Song of the Year
WINNER: Lil Nas X: “Old Town Road (Remix)” [ft. Billy Ray Cyrus]
Drake: “In My Feelings”
Ariana Grande: “thank u, next”
Jonas Brothers: “Sucker”
Lady Gaga / Bradley Cooper: “Shallow”
Taylor Swift: “You Need to Calm Down”

Best New Artist
WINNER: Billie Eilish
Ava Max
H.E.R.
Lil Nas X
Lizzo
ROSALÍA

Best Collaboration
WINNER: Shawn Mendes / Camila Cabello: “Señorita”
Lil Nas X: “Old Town Road (Remix)” [ft. Billy Ray Cyrus]
Lady Gaga / Bradley Cooper: “Shallow”
Taylor Swift: “ME!” [ft. Brendon Urie]
Ed Sheeran / Justin Bieber: “I Don’t Care”
BTS: “Boy With Luv” [ft. Halsey]

Push Artist of the Year
WINNER: Billie Eilish
Bazzi
CNCO
H.E.R.
Lauv
Lizzo

Best Pop
WINNER: Jonas Brothers: “Sucker”
5 Seconds of Summer: “Easier”
Cardi B / Bruno Mars: “Please Me”
Billie Eilish: “bad guy”
Khalid: “Talk”
Ariana Grande: “thank u, next”
Taylor Swift: “You Need to Calm Down”

Best Hip-Hop
WINNER: Cardi B: “Money”
2 Chainz: “Rule the World”[ft. Ariana Grande]
21 Savage: “a lot” [ft. J. Cole]
DJ Khaled: “Higher” [ft. Nipsey Hussle and John Legend]
Lil Nas X: “Old Town Road (Remix)” [ft. Billy Ray Cyrus]
Travis Scott: “SICKO MODE” [ft. Drake]

Best R&B
WINNER: Normani: “Waves” [ft. 6LACK]
Anderson .Paak: “Make It Better” [ft. Smokey Robinson]
Childish Gambino: “Feels Like Summer”
H.E.R.: “Could’ve Been” [ft. Bryson Tiller]
Alicia Keys: “Raise a Man”
Ella Mai: “Trip”

Best K-Pop
WINNER: BTS: “Boy With Luv” [ft. Halsey]
BLACKPINK: “Kill This Love”
Monsta X: “Who Do You Love” [ft. French Montana]
TOMORROW X TOGETHER: “Cat & Dog”
NCT 127: “Regular”
EXO: “Tempo”

Best Latin
WINNER: ROSALÍA / J Balvin: “Con Altura” [ft. El Guincho]
Anuel AA / Karol G: “Secreto”
Bad Bunny: “MIA” [ft. Drake]
benny blanco / Tainy / Selena Gomez / J Balvin: “I Can’t Get Enough”
Daddy Yankee: “Con Calma” [ft. Snow]
Maluma: “Mala Mía”

Best Dance
WINNER: The Chainsmokers: “Call You Mine” [ft. Bebe Rexha]
Clean Bandit: “Solo” [ft. Demi Lovato]
DJ Snake: “Taki Taki” [ft. Selena Gomez, Ozuna and Cardi B]
David Guetta / Bebe Rexha / J Balvin: “Say My Name”
Marshmello / Bastille: “Happier”
Silk City / Dua Lipa: “Electricity”

Best Rock
WINNER: Panic! At the Disco: “High Hopes”
The 1975: “Love It If We Made It”
Fall Out Boy: “Bishops Knife Trick”
Imagine Dragons: “Natural”
Lenny Kravitz: “Low”
twenty one pilots: “My Blood”

Video for Good
WINNER: Taylor Swift: “You Need to Calm Down”
Halsey: “Nightmare”
The Killers: “Land of the Free”
Jamie N Commons / Skylar Grey: “Runaway Train” [ft. Gallant]
John Legend: “Preach”
Lil Dicky: “Earth”

Best Group
WINNER: BTS
5 Seconds of Summer
Backstreet Boys
BLACKPINK
CNCO
Jonas Brothers
PRETTYMUCH
Why Don’t We

Best Power Anthem
WINNER: Megan Thee Stallion: “Hot Girl Summer” [ft. Nicki Minaj and Ty Dolla $ign]
Ariana Grande: “7 rings”
DJ Khaled: “Wish Wish” [ft. Cardi B and 21 Savage]
Halsey: “Nightmare”
Lizzo: “Tempo” [ft. Missy Elliott]
Maren Morris: “Girl”
Miley Cyrus: “Mother’s Daughter”
Taylor Swift: “You Need To Calm Down”

Song of Summer
WINNER: Ariana Grande and Social House: “Boyfriend”
Billie Eilish: “Bad Guy”
DaBaby: “Suge”
Ed Sheeran and Justin Bieber: “I Don’t Care”
Jonas Brothers: “Sucker”
Khalid: “Talk”
Lil Nas X: “Old Town Road (Remix)” [ft. Billy Ray Cyrus]
Lil Tecca: “Ransom”
Lizzo: “Truth Hurts”
Miley Cyrus: “Mother’s Daughter”
Post Malone: “Goodbyes” [ft. Young Thug]
Rosalía and J Balvin: “Con Altura” [ft. El Guincho]
Shawn Mendes and Camila Cabello: “Señorita”
Taylor Swift: “You Need To Calm Down”
The Chainsmokers and Bebe Rexha: “Call You Mine”
Young Thug: “The London” [ft. J. Cole and Travis Scott]

Fashion Trailblazer
WINNER: Marc Jacobs

Best Direction
WINNER: Lil Nas X: “Old Town Road (Remix)” [ft. Billy Ray Cyrus] (dir. Calmatic)
Billie Eilish: “bad Guy” (dir. Dave Meyers)
FKA twigs: “Cellophane” (dir. Andrew Thomas Huang)
Ariana Grande: “thank u, next” (dir. Hannah Lux Davis)
LSD: “No New Friends” (dir. Dano Cerny)
Taylor Swift: “You Need to Calm Down” (dir. Drew Kirsch and Taylor Swift)

Best Visual Effects
WINNER: Taylor Swift: “ME!” [ft. Brendon Urie] (visual effects: Loris Paillier & Lucas Salton for BUF VFX)
Billie Eilish: “when the party’s over” (visual effects: Ryan Ross, Andres Jaramillo)
FKA twigs: “Cellophane” (visual effects: Matt Chandler, Fabio Zaveti for Analog)
Ariana Grande: “God is a woman” (visual effects: Fabrice Lagayette, Kristina Prilukova & Rebecca Rice for Mathematic)
DJ Khaled: “Just Us” [ft. SZA] (visual effects: Sergii Mashevskyi)
LSD: “No New Friends” (visual effects: Ethan Chancer)

Best Editing
WINNER: Billie Eilish: “bad guy” (editing: Billie Eilish)
Anderson .Paak: “Tints” [ft. Kendrick Lamar] (editing: Elias Talbot)
Lil Nas X ft. Billy Ray Cyrus – “Old Town Road (Remix)” (editing: Calmatic)
Ariana Grande: “7 rings” (editing: Hannah Lux Davis & Taylor Walsh)
Solange: “Almeda” (editing: Solange Knowles, Vinnie Hobbs, Jonathon Proctor)
Taylor Swift: “You Need to Calm Down” (editing: Jarrett Fijal)

Best Art Direction
WINNER: Ariana Grande: “7 rings” (art direction: John Richoux)
BTS: “Boy With Luv” [ft. Halsey] (art direction: JinSil Park, BoNa Kim (MU:E))
Lil Nas X: “Old Town Road (Remix)” [ft. Billy Ray Cyrus] (art direction: Itaru Dela Vegas)
Shawn Mendes / Camila Cabello: “Señorita” (art direction: Tatiana Van Sauter)
Taylor Swift: “You Need to Calm Down” (art direction: Brittany Porter)
Kanye West / Lil Pump: “I Love It” [ft. Adele Givens] (art direction: Tino Schaedler)

Best Choreography
WINNER: ROSALÍA / J Balvin: “Con Altura” [ft. El Guincho] (choreography: Charm La’Donna)
FKA twigs: “Cellophane” (choreography: Kelly Yvonne)
LSD: “No New Friends” (choreography: Ryan Heffington)
Shawn Mendes / Camila Cabello: “Señorita” (choreography: Calvit Hodge, Sara Biv)
Solange: “Almeda” (choreography: Maya Taylor, Solange Knowles)
BTS: “Boy With Luv” [ft. Halsey] (choreography: Rie Hata)

Best Cinematography
WINNER: Shawn Mendes / Camila Cabello: “Señorita” (cinematography: Scott Cunningham)
Anderson .Paak: “Tints” [ft. Kendrick Lamar] (cinematography: Elias Talbot)
Billie Eilish: “hostage” (cinematography: Pau Castejon)
Ariana Grande: “thank u, next” (cinematography: Christopher Probst)
Solange: “Almeda” (cinematography: Chayse Irvin, Ryan Marie Helfant, Justin Hamilton)
Taylor Swift: “ME!” [ft. Brendon Urie] (cinematography: Starr Whitesides)

Comentários

Topo