Menu Papel POP

Brad Pitt diz que “Ad Astra” é um filme sobre “o conceito moderno de masculinidade”

MAIS SOBRE:

“Ad Astra”, filme estrelado por Brad Pitt, conta a história do astronauta Roy McBride (Pitt), que parte em uma missão para descobrir o paradeiro de seu pai, um cientista renegado que se encontra desaparecido e representa uma ameaça à humanidade.

Segundo informações da Variety nesta quinta-feira (29), Pitt comentou sobre o enredo do filme e refletiu sobre seu significado e interpretação moderna sobre a masculinidade:

“Em retrospecto, o que James e eu estávamos procurando era essa definição de masculinidade. Nós dois crescemos em uma época em que nos pediram para sermos fortes… e há um valor nisso, mas (isso também criou uma) barreira porque você está escondendo algumas daquelas coisas que sente vergonha. Todos escondemos e carregamos dores e feridas individuais. Existe uma definição melhor (de masculinidade) para nós… um melhor relacionamento com os entes queridos, com seus filhos e conosco”

Além disso, o ator comentou que o longa foi um dos mais desafiadores de toda sua carreira. E ele garante que nem foi por conta do fato do filme se passar no espaço sideral e terem de gravar de forma “sem gravidade”. O mais difícil de fazer, para Pitt, foi retratar a falta de conexão com alguém que está sozinho.

Assista ao trailer:

“Ad Astra” estreia dia 19 de setembro.

Comentários

Topo