Menu Papel POP

Carly Rae Jepsen diz que tem álbum inédito finalizado, mas que o deixará “enterrado no quintal”

“Dedicated”, trabalho de estúdio mais recente de Carly Rae Jepsen, chegou às plataformas no último mês de maio. O disco foi relativamente bem recebido pela crítica, mas de acordo com a própria autora durante uma entrevista concedida à revista SF Weekly nesta quarta-feira (3) não era seu plano inicial.

Segundo a artista, assim que decidiu se empenhar na produção de um sucessor para “Emotion”, várias ideias lhe surgiram à cabeça e como fruto de seus primeiros meses em estúdio surgiu um número considerado de canções – todas devidamente registradas. Entretanto, embora tenha produzido e finalizado um material homogêneo, ela disse não ter gostado do resultado final, o que a levou a engavetá-lo. Ué?

“Eu tenho um disco chamado ‘Disco Sweat’, que provavelmente nunca será lançado e não deve. Meu desejo ao criá-lo foi fazer algo pra dançar na sala, algo do tipo”.

O álbum, como o próprio nome e descrição apontam, foi gestado a partir de uma inspiração sua em nomes clássicos da era disco como ABBA, Bee-Gees e Donna Summer. Imagina o quanto seria iconic? Em meio a esse desagrado, Jepsen resolveu então filtrar o que tinha em mãos, direcionando seu fluxo criativo para a composição de faixas novas que acabaram dando origem a singles como “Julien”.

Questionada pela publicação sobre a mínima possibilidade de trazer estas canções à luz do dia, ainda que futuramente, a artista falou sério: não vai rolar.

“Serão enterradas no meu quintal”.

Ajuda a gente, Carly! O jeito é seguir ouvindo o que a gente tem… “Dedicated” está disponível em todos os tocadores de música.

Comentários

Topo