Menu Papel POP

Sequência de “O Iluminado”, “Doutor Sono”, fugirá dos clichês de filmes de terror

Mike Flanagan (“O Espelho”; “Ouija 2”) é o responsável por assumir a continuação do clássico “O Iluminado”, o “Doutor Sono”. Em entrevista ao Yahoo! ele disse como foi gravá-lo e como ele foge do clichê típico de filmes de terror.

Sabe o “susto” que a gente leva em quase todos os filmes desse gênero? Então, “Doutor Sono” não terá essa tática.

“Quando estávamos desenvolvendo o projeto, e quando estávamos falando sobre as expectativas da audiência, em particular, sobre jump scares [imagens ou sons em volume elevado que aparecem rapidamente em tela, provocando sustos], sustos e o ritmo desses, definimos que não temos o mínimo interesse em fazer isso. Eu diria, ‘qual o seu jump scare preferido de O Iluminado?’ Não existe um. O mesmo se aplica aqui”.

Mike trabalhou lado a lado com Stephen King para a obra ser uma adaptação digna do livro. Ele também relevou que se inspirou muito em Stanley Kubrick, o diretor do primeiro filme.

“Usamos muitas das lições que Kubrick nos ensinou sobre como fazer um thriller psicológico, um thriller sobrenatural, de tal forma que é mais sobre uma atmosfera sufocante e tensão do que os sustos tradicionais como os entendemos hoje”.

Em “Dr. Sono”, Ewan McGregor vive Danny Torrance, 40 anos após sua assustadora estadia no Hotel Overlook. Ainda extremamente marcado pelo trauma que sofreu quando criança, Dan lutou para encontrar paz, que é destruída quando ele encontra Abra, uma adolescente com um dom extra-sensorial, conhecido como “Brilho”.

O longa chega aos cinemas no dia 7 de novembro.

Comentários

Topo