Menu Papel POP

Morre aos 85 anos Serguei, ícone do rock brasileiro

MAIS SOBRE:

Morreu na manhã desta sexta-feira (7) em Volta Redonda, no Rio de Janeiro, o cantor Serguei. Um dos maiores símbolos do rock brasileiro, o artista estava internado desde o fim do último mês com um quadro agravado de desnutrição, desidratação e infecção urinária.

Portador do mal de Alzheimer, o artista também apresentou nos últimos dias um boletim delicado com o agravamento de uma arritmia cardíaca e insuficiência respiratória.

Filho de um executivo e de uma dona de casa, Serguei nasceu década de 1930 e ainda na adolescência foi viver com a avó materna, Lia Anderson, nos Estados Unidos. Ele viveu em Nova York até a década de 1950 e logo depois deu início, após uma breve passagem pelo Brasil, a sua carreira musical.

Na década de 1970 o artista ficou no centro dos holofotes após terem circulado rumores de que ele havia tido um breve relacionamento com Janis Joplin. O caso teria acontecido durante a inesquecível passagem da cantora pelo país e foi ironizado décadas depois durante um desfile na sapucaí, quando o cantor desfilou vestindo uma blusa escrita “Eu Comi a Janis Joplin”.

Nos palcos, Serguei tocou ao lado de nomes emblemáticos do gênero como Rita Lee, fez covers dos Rolling Stones e promoveu momentos memoráveis. No Rock In Rio, por exemplo, participou de quatro edições, a última delas em 2013. Sua casa em Saquarema, interior do estado, tornou-se há alguns anos um museu do rock.

A gente lamenta a perda e envia condolências à família e aos fãs.

Comentários

Topo