Menu Papel POP

Diretor de GoT “queria matar todo mundo” na Batalha de Winterfell!

MAIS SOBRE:

*ESTE TEXTO PODE CONTER SPOILERS*

*

*

“Game of Thrones” acabou real e oficial neste ano e ainda está causando polêmicas. Mas, também houve alguns conflitos internos na produção da série.

Miguel Sapochnik, quem dirigiu os episódios alguns episódios da oitava temporada, revelou que queria que a Batalha de Winterfell fosse um verdadeiro massacre. Mas os criadores David Benioff e Dan Weiss não permitiram a ideia (via Vanity Fair).

“Eu queria matar todo mundo. Eu queria matar Jorah no cavalo desde o início. Eu queria que fosse brutal, então nos 10 primeiros minutos tudo poderia acontecer. Mas, David e Dan não queriam. Teve muitas idas e vindas nisso”.

A Batalha aconteceu no terceiro episódio da oitava e final temporada de GoT e foi criticado pela escuridão nas filmagens.

No final, o diretor comentou que por mais que tivesse outras ideias para o episódio, a decisão final é de D&D.

“Eu acho que uma coisa chave é que se não é minha série, certo? Eu não tive a ideia da série e a fiz. Eu sou um diretor contratado vou fazer isto. Eles me deixaram entrar e me envolver, e eu realmente amei fazer isso. Mas o corte final não é meu. O corte final é deles; é a escolha deles.”

Todas as temproadas de “Game of Thrones” estão disponíveis na HBO Go.

Comentários

Topo