Menu Papel POP

Madonna é capa da Vogue UK de junho: “Provavelmente a feminista de maior destaque no planeta”

MAIS SOBRE:

Madonna completou 60 anos em 16 de agosto do ano passado, mudou-se de país, prepara-se para o lançamento de mais um álbum de estúdio e segue trabalhando em vários projetos paralelos à música. Fala sério, ter essa mulher como inspiração é ter aulas constantes sobre como amadurecer de forma inteligente.

Às portas da chegada de “Madame X”, seu décimo disco, a rainha foi convidada para ser capa da edição de junho da revista Vogue. Adotando pra valer o visual criado para esta era, marcado pelas madeixas morenas e looks extremamente elegantes, a cantora posou para as lentes de Mert Alas and Marcus Piggott e teve as primeiras fotos do ensaio divulgadas nesta sexta (3).

Na capa, Madonna aparece usando várias joias e deitada em uma banheira, enquanto aparentemente se perde em pensamentos. Quanto ao recheio da revista, de acordo com a própria Vogue, está prevista uma entrevista profunda, que reflete sobre vários aspectos pontuais de sua carreira, destacando o fato de ainda hoje a cantora seguir influenciando e empoderando pessoas ao redor do mundo.

“Como mulher, eu tive que lutar para chegar onde estou hoje”.

Espia só a introdução:

“Artista feminina mais vendida de todos os tempos, ela foi, é claro, tomada por adulação. Mas, cara, ela divide opiniões. De “SEX”, seu livro seminal lançado em 1992, com fotografias influenciadas pelo sadomasoquismo, até suas batalhas atuais contra a mídia que se recusa a permitir que ela envelheça em seus próprios termos. Aos 60 anos, Madonna continua a dominar a conversa”.

A publicação também ressalta as contribuições de Madonna para o feminismo, dizendo que ela segue sendo um dos membros mais influentes do movimento.

“Acredito que é importante que tenhamos um pouco de respeito: durante grande parte de sua vida, ela é provavelmente a feminista de maior destaque no planeta. Em um mundo pré-mídias sociais, seu fluxo incessante de hits, de “Express Yourself” a “What It Feels Like For a Girl”, levou a discussão sobre o empoderamento feminino em cantos do mundo que só a música pode tocar – especialmente quando acoplados a uma série de declarações radicais da moda”.

A gente quer ler na íntegra! Nesta sexta-feira (3), aliás, Madonna liberou mais uma faixa de “Madame X”. A escolhida da vez foi “I Rise”, composição que fala sobre as políticas de armamento ao redor do mundo.

Ouça:

Comentários

Topo