Menu Papel POP

HBO não tem planos para fazer spin-off de Arya Stark

Para quem quer muito uma série derivada de Arya Stark… infelizmente, pode não acontecer.

O chefe-executivo da HBO, Casey Bloys, concedeu uma entrevista ao The Hollywood Reporter e nela comentou sobre o futuro da emissora sem a grande “Game of Thrones” e até possíveis spin-offs da série inspirada nos livros de George. R. R. Martin.

Uma das perguntas do momento é se veremos um spin-off de Arya, uma vez que no episódio final ela vai desbravar o oeste de Westeros, parte que não se encontra no mapa. Mas parece que a emissora não tem planos para isto.

“Não, não, não. Não, parte disso é que queremos que essa série – o Game of Thrones de D.B. Weiss e David Benioff – seja sua própria coisa. Eu não quero tirar personagens desse mundo que eles construíram de forma linda e colocá-los em outro mundo com outra pessoa criando.

 

Eu quero que seja deixado como a peça artística que eles têm. É um dos motivos pelos quais não tento fazer a mesma série sempre. George R.R. Martin criou um mundo gigantesco, há muitas portas de entrada. É por isso que estamos tentando fazer coisas distintas – e não tentar refazer a mesma série. É um dos motivos pelo qual, agora, uma continuação ou derivado de um dos personagens não faz sentido para nós.”

Casey também foi questionada sobre o que ele achou do final e da temporada num geral. Ela retornou dizendo:

“Eu acho que eles fizeram um trabalho lindo. Você apenas tem que aceitar que nem todos concordarão com as escolhas. Basicamente para uma série tão grande e épica e tão abrangente, eles [criadores/showrunners David Benioff e D.B. Weiss] têm que fazer escolhas. O que é ótimo no programa é que as pessoas sentem muitas coisas – positivas e negativas. Muitas pessoas investiram em personagens e esperavam por certas coisas e queriam ver certas reviravoltas. Há provavelmente um pouco de luto acontecendo agora que a série acabou. Entendo, eu entendo: é uma grande série e as pessoas realmente investiram muito nisso – e isso diz muito sobre o que o programa fez. As pessoas realmente se importavam com isso.

Muita gente sentiu que a temporada foi apressada e “jogada”. Sobre isso, ele falou:

“Algumas pessoas sentiram que [foi apressado] e algumas pessoas não. Não há nada que eu vou tirar desta temporada e aplicá-la a séries sucessoras. É assim que eu vejo isso. Ous eja, este é um programa enorme, massivamente popular e terminou exatamente da maneira certa e, provavelmente, a única maneira que poderia – que alguns fãs estão infelizes e alguns dos fãs estão emocionados. Você não pode acabar com uma série tão gigante agradando a todos, e eu não acho que é isso que Dan e David estavam tentando fazer.”

Bloys também contou que eles irão gravar o episódio piloto do prequel de GoT em junho, mas não tem uma data definida para ser lançado. Provavelmente, chega no primeiro semestre de 2021.

A série derivada até então será um prelúdio, que irá contar uma história de centenas de anos antes dos acontecimentos em “Game of Thrones”. Naomi Watts já é uma das confirmadas no elenco.

Agora é torcer que um dia retornem a história de Arya! Quem aí quer?

Comentários

Topo