Menu Papel POP

As 15 melhores músicas do Elton John

MAIS SOBRE:

Vamos aproveitar a chegada de “Rocketman” para fazer listas! Eu amo listas! O filme estreia no dia 30 de maio, já vimos alguns minutos e tá lindo, e quando toodo mundo sair do cinema, essas faixas vão estar na boca de todo mundo. Por isso, nós escolhemos algumas!

Separamos aqui nesse post as 15 melhores músicas de Elton John. Em sua grande maioria, composições que ele dividiu com o gênio Bernie Taupin. Alguns exemplos: “Your Song”, “Daniel”, “Candle in the Wind”, “Don’t Let the Sun Go Down on Me” e “Nikita”.

Vamos sem mais conversa fiada escolher as melhores 15 músicas de Elton John:

15) “Sorry Seems To Be the Hardest Word”

Se você fala o nome dessa música pra mim, automaticamente vem na cabeça essa parte: “What do I have to do to make you love me?”. É o poder da letra poderosa de Elton com Bernie. Aliás, essa é um caso raro em que Elton escreve a maioria da letra.

14) “I Guess That’s Why They Call It the Blues”

Então é isso que eles chamam de blues? Porque eu consegui fazer um, disse Elton John com essa faixa, uma de suas mais energéticas e melódicas. Eu consigo ouvir o piano daqui. Marcante, perfeito.

13) “Sacrifice”

O ano é de 1989 e tem muita gente que torce o nariz para essa música. Um bando de esnobes. É uma balada clássica de Elton. E sabe o mais legal. A letra, dele e de Bernie, conta a história do mesmo casal da faixa “Your Song”. Nessa música, eles se casaram, mas estão se afastando aos poucos e depois acabam se separando. Chorei aqui.

12) “Border Song”

Um hino gospel? Um hino soul? Que tal ambos? A música é tão poderosa que ganhou a atenção de Aretha Franklin, que pediu autorização para regravar a faixa. Aliás, eles dois já tocaram essa música juntos no piano. Dois monarcas da música moderna.

11) “Don’t Let the Sun Go Down on Me (with George Michael)”

Uma das músicas mais bonitas de Elton. Outra faixa que você vai entender como surge na carreira dele ao ver “Rocketman” nos cinemas. É a retomada de Elton para as paradas de sucesso, que já estava se dando por vencido e quase beirando a morte. Um poder!

10) “I Want Love”

Quem foi que disse que Elton John só fez músicas boas nos anos 70 ou 80? Lá no comecinho dos anos 2000, ele lançou um de seus melhores discos, o “Songs From the West Coast”. Essa faixa é só um dos exemplos. “This Train Don’t Stop There Anymore” é outra jóia do disco. “I Want Love” é sobre amor e tem esse clipe maravilhoso estrelado por Robert Downey Jr.

9) “Daniel”

É o sucessos de qualquer karaokê (aqueles que vão gente de bom gosto, tá?). É mais uma balada poderosa de Elton John. Vou cantar um trecho e vocês jogam a mãozinha de um lado pro outro: “Daniel you’re a star in the face of the sky”

8) “Saturday Night’s Alright for Fighting”

Não é só de balada que Elton John vive. Ele tá aqui pra provar que rock também é sua praia. Essa faixa é mais um clássico do disco “Goodbye Yellow Brick Road”, que mais parece uma coletânea de tantos hits que tem.

7) “Candle in the Wind”

Uma música feita para Marilyn Monroe, uma das maiores musas de Elton, que ele venerava desde pequeno. Uma música linda, tocante, vulnerável assim como Marilyn. Mais tarde, no funeral de Lady Di, Elton John cantou essa música no piano trocando o nome de Marilyn por “england’s rose” para homenagear Di.

6) “The Bitch Is Back”

Sente o poder rock queer dessa música. Hoje a gente pode ver essa faixa dessa forma, mas antigamente não foi bem assim. Bernie, parceiro de composição de Elton, tinha uma esposa, chamada Maxine Feibelman, que sempre que aparecia ouvia o Elton falar “Uh-oh, the bitch is back”. Bernie, marido de Maxine, gostou da ideia e fez uma música. Tem até o Elton John tocando um dos instrumentos na faixa. E agora a “bitch” é o Elton quando canta a música.

5) “Bennie and the Jets”

“She’s got electric boots, a mohair suit, you know, I read it in a magazine… B-B-B-Bennie and the Jets”. Tenho nem palavras pra dizer o quanto essa música é incrível. Era tão moderna pra época, continua cool pra caramba até hoje… Elton é muito rei!

4) “Tiny Dancer”

O mais engraçado sobre “Tiny Dancer” é o seguinte. Quando foi lançada em 71, flopou. Ninguém se importou, a música passou despercebida. Hoje, sabe por que um monte de gente (Lana Del Rey, Foo Fighters, Florence and the Machine) regravou a música e canta em shows até? Por causa de uma cena do filme “Quase Famosos”, dos anos 2000. Tá? Ainda bem!

3) “Goodbye Yellow Brick Road”

É injusto demais fazer lista. Esses três primeiros lugares tinham todos que estar em primeiro lugar. Você vai reparar a importância dessa música quando for assistir ao “Rocketman” nos cinemas e entender por que ela foi escrita. Ela usa o filme “O Mágico de Oz” para falar da ilusão e do deslumbramento e do mundo de fantasia que o Elton John vivia na época, quase perdendo tudo. Uma música de arrepiar.

2) “Rocket Man (I Think It’s Going To Be a Long, Long Time)”

Uma das maiores faixas de Elton, uma das mais conhecidas, uma viagem total. Sim, é também sobre drogas porque começa a abordar o uso de cocaína de Elton John (aquela parte em que ele diz que vai ficar altinho como uma pipa “I’m gonna be high as a kite by then”). É como se você fosse para o espaço ao ouvir. A música transcende.

1) “Your Song”

Desculpa, mas não tem como. É a mais bonita. Você ouve e as lágrimas descem. E olha que era um B-side do Elton John. A letra tem humildade, a música é linda, marcou uma geração, é uma das letras mais lindas da história da música. E daí se é muito popular? Sabe por que é muito conhecida? Porque é boa. É qualidade com popularidade. É raro um artista conseguir isso.

Sim, eu fiz uma playlista lá no Spotify:

Ufa! Foi difícil escolher as 15 melhores entre váááárias músicas incríveis do Elton John. Uma das lendas da música, de verdade. E estamos animados para ver a história dele enorme e linda nos cinemas no dia 30 de maio em “Rocketman”!

Comentários

Topo