Menu Papel POP

Childish Gambino se emociona ao lembrar de Mac Miller e Nipsey Hussle em show no Coachella

Nem só de momentos felizes foi a noite de estreia da edição deste ano do festival Coachella. O headliner da noite, Childish Gambino (persona musical de Donald Glover) separou um momento de sua apresentação para falar sobre perdas.

O cantor relembrou, além da morte do próprio pai, dois amigos próximos que se foram, os rappers Mac Miller, morto em 7 de setembro de 2018, e Nipsey Hussle, falecido no último dia 31 de março.

Na ocasião, Gambino não pode conter as lágrimas e fez um discurso bastante emocionado.

“Perdi meu pai neste ano, perdemos Nipsey, perdemos Mac…. Estou começando a entender que tudo o que temos são memórias no fim do dia. É tudo o que somos. Tudo o que realmente somos é como se fosse um arquivo e você passa isso para os seus filhos, para os seus amigos ou a sua família”.

O rapper também fez uma reflexão sobre o quão rápido as coisas acontecem na vida e aproveitou a oportunidade para encorajar as pessoas a fazerem a diferença enquanto estão por aqui. A reação da plateia não poderia ser outra: aplausos.

“O problema, como nós, como geração Millennials, como todo mundo aqui, é que temos tantos dados, sabemos o que vai acontecer. Estamos com muito medo de plantar uma árvore que sabemos que não vamos comer. Há 100 mil de vocês aqui, agora, há uma chance, uma boa chance, que pelo menos um não verá a próxima semana. Então o que estou dizendo é que, enquanto você está aqui, então estamos aqui, sinta algo e passe isso adiante”.

Assista:

Comentários

Topo